Navegue por

publicidade

Diogo

Cinco presos

Polícia Civil conclui investigação de assassinato de advogado no Extremo-Oeste

Compartilhe

Por Diogo Vargas
08/11/2018 - 11h24 - Atualizada em: 08/11/2018 - 11h26
Momento em que autores chegaram ao escritório da vítima, segundo a polícia (Foto: Reprodução/Divulgação PC)

Após três meses, a Polícia Civil anunciou a conclusão da investigação do assassinato do advogado Joacir Montagna, 53 anos. Ele foi morto com um tiro no escritório em Guaraciaba, Extremo-Oeste de Santa Catarina, no dia 13 de agosto.

O delegado regional de São Miguel Oeste, Adriano Bini, afirma que falará sobre o caso em entrevista coletiva marcada para a manhã desta sexta-feira.

Na segunda-feira, a Polícia Civil prendeu o quinto suspeito pelo crime. A motivação do homicídio ainda não foi divulgada. A polícia diz que os autores são integrantes de uma associação criminosa.

Criminosos fugiram sem roubar nada

Os dois criminosos que foram ao escritório chegaram em uma moto e fugiram sem roubar nada.

O advogado atuava principalmente na área cível, também era servidor da Assembleia Legislativa e assessor jurídico da Agência de Desenvolvimento Regional em São Miguel do Oeste.

Leia mais notícias e análises de Diogo Vargas

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação