nsc

publicidade

Estela

Análise

Falta de bom senso na judicialização dos repasses para os hospitais filantrópicos

Compartilhe

Por Estela Benetti
07/06/2019 - 05h15 - Atualizada em: 07/06/2019 - 10h30
(Foto: Marco Favero / Diário Catarinense)

É preocupante a decisão do governo do Estado de judicializar a destinação de 10% do Fundo Estadual aos hospitais filantrópicos. Há falta de recursos em quase toda parte, mas é sabido que essas instituições fazem muito pela saúde da maioria dos catarinenses e recebem poucos recursos públicos. O governo deveria acatar a decisão da Alesc e buscar mudanças para 2020.

A maioria dos hospitais estaduais está concentrada em Florianópolis. Joinville é um município obrigado a atender alta complexidade com recursos próprios, destinando 39% da receita para saúde quando o recomendado é 15%. Entre as maiores despesas dos hospitais estaduais, hoje, estão os atendimentos a motociclistas acidentados. Esses jovens não deveriam gerar essas demandas. Faltam campanhas de prevenção a acidentes.

Leia também: Frente parlamentar repudia decisão do governo sobre saúde

Turismo de eventos

A Santur participou nos últimos dois dias da feira Evento Business Show (EBS), em SP, que foca o segmento de eventos corporativos e da rodada de negócios Speed Meeting, na qual apresentou os centros de eventos de Canasvieiras e Balneário Camboriú para as mais de 150 empresas presentes no evento. 

Deixe seu comentário:

publicidade