nsc
nsc

VAR na Série B

Avaí: “Imagens inconclusivas” do VAR impediram checagem e gol de empate contra o Coritiba

Compartilhe

Faraco
Por Faraco
24/08/2021 - 14h11
Na checagem, cabine do VAR considerou que as imagens eram inconclusivas
Na checagem, cabine do VAR considerou que as imagens eram inconclusivas (Foto: reprodução)

O VAR não parecia totalmente “calibrado” na Ressacada na última sexta-feira em Avaí x Coritiba. O jogo marcou a estreia do equipamento na história da Série B do Brasileiro. Valia pela abertura da primeira rodada do returno. 

Pelo menos essa foi a impressão que houve internamente no Avaí. Alguns lances foram questionados e poderiam ter sido revisados. E até corrigidos. Principalmente o lance da falta em dois toques cobrada por Edilson e que foi para o gol do goleiro Wilson.

Foi o que gerou mais discussão. Na minha opinião a bola toca em Rafinha – a barreira de jogador único do Coritiba – antes de ir em direção ao gol. Mesmo de raspão ou de leve, seria o suficiente para confirmar o gol. Seria o segundo toque da cobrança em dois toques e validaria o lance e gol de Edilson, que seria o de empate em 2 x 2. Em campo o juiz não viu o toque e não validou o gol. No VAR também não houve resposta diferente.

Lance do primeiro gol do Coritiba também gerou dúvidas
Lance do primeiro gol do Coritiba também gerou dúvidas
(Foto: )

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Informalmente, o Avaí questionou a Comissão Nacional de arbitragem. Enviou através de Whatsapp um vídeo que circula entre os torcedores. O Avaí recebeu uma resposta, também por mensagem. A Comissão informou que o VAR checou o lance, mas que as imagens eram inconclusivas, por isso permaneceu a decisão de campo.

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Rodrigo Faraco

Colunista

Faraco

Jornalista e comentarista esportivo, sempre atento ao que acontece especialmente no futebol catarinense, faz análises e bastidores dos times do Estado.

siga Faraco

Mais colunistas

    Mais colunistas