nsc
nsc

Pedido de paralisação 

CDL de Joinville quer retomada das obras de macrodrenagem do rio Mathias em 2021

Compartilhe

Loetz
Por Loetz
25/05/2020 - 14h00
(Foto: Salmo Duarte, arquivo NSC)
(Foto: Salmo Duarte, arquivo NSC)

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Joinville pediu ao prefeito Udo Döhler a completa paralisação das obras de macrodrenagem do rio Mathias, na região central da cidade. Ofício com esta solicitação já foi enviado.

A CDL quer que o próximo prefeito, a ser eleito neste ano, retome os serviços, mas a partir de contratação de outra empreiteira, "que tenha sustentabilidade" para tocar as obras, no dizer do presidente da CDL, José Manoel Ramos.

— Sabemos que as obras não vão terminar até dezembro; então, que se deixe a continuidade dos serviços para 2021 — diz o líder empresarial.

Na rua Visconde de Taunay as máquinas foram retiradas. O trabalho de macrodrenagem do rio Mathias já se arrasta por quatro anos. Já causou prejuízos aos negócios na rua Otto Boehm; e também na rua Fernando de Noronha. E, há mais de um ano, em via centrais da cidade. Na Câmara de Vereadores de Joinville, há um ensaio para possível instalação de CPI do rio Mathias.

Leia as últimas notícias de Joinville e região.

Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Cláudio Loetz

Colunista

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

siga Loetz

Mais colunistas

    Mais colunistas