nsc
    nsc

    meses de negociação

    Empresa com sede em Guarulhos e unidade em Joinville, CRW compra a Masa, de Manaus

    Compartilhe

    Loetz
    Por Loetz
    09/11/2018 - 02h00

    Depois de seis meses de negociação, a CRW Plásticos, fundada em Guarulhos (SP) em 1979 e com unidade em Joinville desde o ano 2000, comprou a Masa, de Manaus, que pertencia ao Grupo Flextronics. A marca Masa permanecerá no mercado. 

    A CRW atua no ramo de termoplásticos de injeção. Produz, principalmente, peças para o interior de veículos. A Masa fatura algo próximo a US$ 40 milhões por ano, afirma o animado empresário Derian Campos, presidente da CRW, que assumiu o negócio em 1º de novembro.

    Pinho Moreira quer a presidência do MDB-SC

    A CRW tem presença internacional, com unidades nos Estados Unidos e na Eslováquia. A fábrica norte-americana surgiu em 2009, via aquisição; a localizada no Leste europeu foi criada para atender à demanda da Embraco, quando a multinacional do setor mecânico expandiu seus negócios para lá. 

     

    Economia em transformação

    A economia de Santa Catrina está em transformação. Do mundo do chão de fábrica para o novíssimo mundo da economia criativa e conectada ao que há de mais inovador em tecnologia. É sob este prisma que a NSC produz um amplo raio X sobre os negócios e os movimentos da iniciativa privada, da academia e do setor público que convergem para o futuro, em reportagens multimídia veiculadas na TV, no "Jornal do Almoço", ao longo desta semana.

    Também o caderno "Nós", encartado nos jornais do grupo – "A Notícia", "Jornal de Santa Catarina" e "Diário Catarinense" – deste fim de semana é especial. Em 16 páginas, mostra o novo ambiente de negócios e como empresas e instituições de ensino e órgãos públicos estão agindo para colocar Joinville na vanguarda tecnológica em alguns anos. E não perca: painel que vai debater o tema será realizado na segunda-feira, dia 12, às 19h30, no auditório da UniSociesc. Volto ao assunto na coluna de segunda.

     

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas