nsc
    nsc

    Ações

    Neogrid, de Joinville, capta quase R$ 500 milhões na Bolsa de Valores

    Compartilhe

    Loetz
    Por Loetz
    16/12/2020 - 09h20 - Atualizada em: 16/12/2020 - 09h25
    Miguel Abuhab é fundador da Neogrid
    Miguel Abuhab é fundador da Neogrid (Foto: Salmo Duarte, Arquivo A Notícia)

    A Neogrid, de Joinville, captou R$ 486,5 milhões junto ao mercado mediante oferta inicial de ações (IPO, em inglês). A operação foi feita na B3, a Bolsa de Valores brasileira. O registro da oferta foi feita em 20 de outubro, com valor total de R$ 599.720.000,00. O preço foi de R$ 4,50 por ação, menor do que o previamente fixado pela companhia, mas o adequado para se capitalizar ainda mais.

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    Analistas do setor de software explicam que a empresa, fundada em 1999, por Miguel Abuhab, administra o fluxo de informações e processos entre empresas, conectando indústrias a varejos de bens de consumo. Na época, com a evolução da internet, o empresário entendeu que seria possível resolver um dos grandes problemas das indústrias: monitorar o estoque de seus produtos na casa de seus clientes.

    > Estado mantém incentivos fiscais a empresas que não cumpriram meta neste ano

    Desde então, a Neogrid vem crescendo, primeiramente de forma orgânica. De 2017 em diante, já fez 14 aquisições de outras empresas complementares aos seus negócio. Atualmente objetiva fazer o tratamento de dados e, com tecnologia, integrar indústria e varejo para reduzir estoques na cadeia de suprimentos e aumentar a disponibilidade de produtos nas prateleiras dos clientes.

    A partir da pandemia, o desafio se intensificou, uma vez que muitas empresas migraram para soluções digitais e intensificaram investimentos em canais de venda online e física, simultaneamente. A Neogrid vende seus serviços para este segmento, prometendo uma grande integração entre todos os canais de vendas também.

    > Empresa de Joinville é premiada em concurso nacional

    Entre seus clientes, há 130 redes de varejo; mais de 30 mil indústrias. Opera em mais de 2 milhões de produtos-alvo e com mais de 5 mil distribuidores em vários países de diferentes continentes. São clientes de porte global distribuídos por áreas diversificadas, como agronegócio; farmacêuticas; negócio do setor de moda; de construção e casa; e de bens de consumo.

    Leia mais

    > Estudo mostra quanto valem os imóveis em Joinville

    > SC deixa de recolher ICMS antecipado de produtos farmacêuticos, de higiene e de beleza

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas