nsc
    nsc

    Cofres públicos

    Orçamento do Município de Joinville em 2019 será de R$ 3,04 bilhões

    Compartilhe

    Loetz
    Por Loetz
    18/10/2018 - 04h00 - Atualizada em: 18/10/2018 - 09h21

    Correção: o orçamento de R$3,04 bilhões corresponde à quantia destinada ao Município de Joinville, não somente à Câmara de Vereadores, diferentemente do que informou a primeira versão deste texto. A matéria já está atualizada.

    O Município de Joinville terá orçamento anual de 2019 previsto no valor total de R$ 3,04 bilhões. Na coluna das despesas orçamentárias correntes, a rubrica "pessoal e encargos sociais" vai consumir mais de um terço do total: R$ 1.282.789.714. Outros R$ 220.722.866 aparecem como custo com pessoal e encargos sociais no item de despesas correntes intra orçamentárias. Então, na soma, a folha do Município vai custar mais de R$ 1,5 milhão aos cofres públicos. Aliás, dinheiro saído dos impostos dos joinvilenses.

     

    Um terço não sabe quanto gasta

    Atrasos no cartão de crédito podem custar caro. Mesmo assim, boa parte dos usuários dessa modalidade de crédito desconhece o valor da fatura do mês anterior. É o que aponta o indicador de uso do crédito apurado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Um terço dos consumidores que usaram cartão de crédito em agosto não sabe quanto gastou. Entre os que se lembram do valor que desembolsaram, a fatura média foi de R$ 882. Além disso, 25% entraram no rotativo e 74% pagaram o valor integral da fatura – percentual que cai para 64% nas classes C e D. Outros dados do levantamento aparecem abaixo na tabela:

     

    Empréstimos

    50% dos tomadores de empréstimos e financiamentos atrasaram, em algum momento, parcelas da dívida.

    21% ainda estão com prestações pendentes.

    42% recorreram a algum tipo de crédito em agosto.

    52% dos entrevistados afirmam encontrar dificuldade para tomar empréstimo.

    56% dos entrevistados das classes C e D têm mais dificuldades.

    55% querem economizar.

     

    O orçamento

    82% estão no limite do orçamento.

    44% mostraram-se no zero a zero e 38%, sem recursos suficientes para arcar com todos os compromissos.

    49% dos que declararam estar no vermelho alegam que os preços dos produtos são muito altos.

    25% falam em queda da renda.

    23% relatam perda do emprego.

    13% admitem descontrole dos gastos.

     

    Leia também:

    Rodoviária de Joinville tem queda no movimento

    Quatro empresas se interessam por edital de recape de ruas em Joinville

    Fonte: CNDL/SPC

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas