nsc
    nsc

    Doação de máscaras

    Coronavírus: marca catarinense de roupas doa máscaras para crianças do Hospital Infantil e idosos do Asilo Irmão Joaquim

    Compartilhe

    Mário
    Por Mário Motta
    13/04/2020 - 10h09 - Atualizada em: 25/05/2020 - 12h58
    Tecido ecológico, lavável (algodão orgânico e fios reciclados de garrafas pet) (Foto: divulgação)
    Tecido ecológico, lavável (algodão orgânico e fios reciclados de garrafas pet) (Foto: divulgação)

    Muito mais do que com o comércio de roupas, a marca catarinense Divinno, fundada em 2014 pelo empresário Davi Hennemann, também se preocupa com o impacto social, cultural e ambiental de suas ações. E a filosofia da marca ganha ainda mais força no momento que estamos vivendo, o combate ao coronavírus (Covid-19).

    E para fazer a sua parte e aumentar a rede de solidariedade, a Divinno fez a doação de 200 máscaras produzidas com algodão orgânico e fios reciclados de garrafas pet, laváveis, para duas entidades de Florianópolis.

    A empresa suspendeu a produção de camisetas e demais produtos da marca e passou a confeccionar as máscaras com retalhos de tecido da produção que até então estava a todo vapor.

    Para essa confecção, o empreendedor garante o pagamento de um valor por unidade para as costureiras que fazem a montagem e finalização das máscaras e que estavam paradas pela suspensão da linha de produção de camisetas e demais produtos da marca.

    Além de doar as máscaras para quem está precisando, a ação é uma forma de garantir renda para as profissionais da costura, que neste período tiveram redução nos pedidos, até que tudo volte ao normal.

    As máscaras infantis foram entregues diretamente no Hospital Infantil.
    As máscaras infantis foram entregues diretamente no Hospital Infantil.
    (Foto: )

    Para o Hospital Infantil Joana de Gusmão, foram doadas máscaras infantis para crianças que fazem tratamento no ambulatório de oncologia e também para os pais ou responsáveis que fazem o acompanhamento das crianças.

    Parte dos idosos atendidos pelo Irmão Joaquim.
    Parte dos idosos atendidos pelo Irmão Joaquim.
    (Foto: )

    Outra parte das máscaras foi doada para o Asilo Irmão Joaquim, entidade que existe a 115 anos e que abriga hoje 40 pessoas, entre idosos e outros moradores, inclusive pessoas com deficiências, que dependem de auxílio para o custeio de sua sobrevivência. No momento, a instituição não conta com o benefício de nenhum convênio governamental. Nas últimas décadas, o local tem a sua manutenção garantida pelo auxílio dos associados e, mais recentemente, depende também do trabalho de voluntários. Importante ressaltar que a renovação do quadro de associados não tem crescido o suficiente para atender às exigências dos novos tempos. Assim, além dessas doações, a Divinno aproveita a oportunidade para incentivar outras empresas e a própria sociedade a verificar como pode ajudar essas instituições, especialmente o Asilo Irmão Joaquim, que necessita alimentos e materiais de higiene pessoal e de limpeza para sua manutenção. O Asilo Irmão Joaquim fica na Avenida Av. Mauro Ramos, 901 - Centro, Florianópolis.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas