nsc
    nsc

    Pesquisa

    Projeto Fauna Floripa instala câmeras em áreas naturais de Florianópolis

    Compartilhe

    Mário
    Por Mário Motta
    01/11/2019 - 07h39 - Atualizada em: 01/11/2019 - 07h54
    Pesquisadores pretendem instalar 20 câmeras até o final de novembro (Foto: UFSC/FLORAM - Divulgação)
    Pesquisadores pretendem instalar 20 câmeras até o final de novembro (Foto: UFSC/FLORAM - Divulgação)

    Iniciado neste mês, o Projeto Fauna Floripa pretende realizar a instalação de 20 câmeras de monitoramento de fauna até o final de novembro, em diversas áreas naturais da capital, coordenados pelo Departamento de Ecologia e Zoologia da UFSC. A iniciativa faz parte do Programa Parques & Fauna, e conta com o apoio do Observatório de Áreas Protegidas, ambos da UFSC, e da FLORAM (Fundação Municipal do Meio Ambiente) por meio do Departamento de Unidades de Conservação.

    O projeto visa realizar um levantamento sobre aves e mamíferos, avaliando o potencial de reintrodução de espécies consideradas extintas ou sem registros locais recentes, sendo a primeira pesquisa deste porte realizada na Ilha de Santa Catarina. As instalações começaram no sul da Ilha e durante o mês de novembro novas câmeras serão colocadas na parte central da cidade e também ao norte.

    Câmeras são instaladas nos troncos das árvores
    Câmeras são instaladas nos troncos das árvores
    (Foto: )

    As armadilhas fotográficas ficarão durante um ano monitorando as áreas naturais, com coletas mensais das imagens. Após este período, elas poderão ser repostas em outros locais, com o intuito de obter novos dados destas áreas protegidas, importantes para futuramente novas Unidades de Conservação serem subsidiadas. O projeto é coordenado pelo Dr. Maurício E. Graipel, servidor do Departamento de Ecologia e Zoologia, e pelo Dr. José Salatiel Pires, coordenador e professor do Departamento de Ecologia e Zoologia.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas