nsc
    nsc

    REUNIÃO SEM RESPOSTAS 

    Governo deixa 500 concursados sem solução

    Compartilhe

    Por Moacir Pereira
    10/12/2019 - 18h08 - Atualizada em: 11/12/2019 - 06h57
    Reunião em nome dos concursados
    (Foto: Rodolfo Espínola / Agência AL / Divulgação)

    Terminou sem perspetiva de solução a reunião de concursados da Polícia Militar com o Coronel Araújo Gomes. O governo publicou edital convocando 500 dos 1.000 candidatos aprovados em concurso da PM-SC. Exigiu que eles rescindissem contratos de trabalho ou comprovassem exoneração de cargo público. Todos tomaram esta providência e, de repente, souberam que a nomeação estava suspensa.

    Na reunião, ocorrida na tarde desta terça-feira (10), o comandante Araújo Gomes informou que não há orçamento para os atos de nomeação. Pediu prazo para consultar a Secretaria  da Fazenda, tudo de acordo com relato do deputado Sargento Lima, aliado dos 500 concursados.

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC​

    Acesse as últimas notícias do NSC Total

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas