publicidade

Navegue por
Pancho

Saúde

Bombeiro pede apoio para instalação de heliponto no Hospital Santo Antônio

Compartilhe

Por Pancho
15/02/2019 - 07h57 - Atualizada em: 15/02/2019 - 07h57
Subcomandante da 2ª Companhia do Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros, o capitão Hugo Manfrin
Subcomandante da 2ª Companhia do Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros, capitão Hugo Manfrin. Foto: divulgação, Câmara de Blumenau

Subcomandante da 2ª Companhia do Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros, o capitão Hugo Manfrin foi à Câmara Municipal de Blumenau ontem para expor uma necessidade: equipar o Hospital Santo Antônio com um heliponto.

Hoje, quando o helicóptero Arcanjo precisa levar alguém para a instituição de saúde ele pousa no terreno do antigo estádio Aderbal Ramos da Silva, na Rua das Palmeiras, a 900 metros do hospital. Para completar o transporte é preciso deslocar uma ambulância e transferir o paciente de um veículo para outro, o que pode ser prejudicial quando se trata de trauma grave. Além disso, a manobra aumenta em 15 minutos o deslocamento do paciente e o terreno não é adequado para pouso.

Segundo o capitão Manfrin, o Santo Antônio é o único dos oito hospitais da região que não tem espaço adequado para o helicóptero.

Ampliação

A gerente geral do hospital, Isabel Casarin, diz que contratou a elaboração de um plano diretor para orientar futuras ampliações da casa de saúde. Por enquanto a melhor ideia é colocar o heliponto no topo de um prédio a ser construído. Há uma sugestão de providenciar a área de pouso e decolagem em estrutura metálica, perto do rio, mas o custo é muito alto.

Importante é que a comunidade se mobilize com o objetivo de obter recursos. Seja para um novo e necessário prédio, seja para um heliponto isolado. Prioridade para o que for mais urgente.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação