nsc
nsc

Finados

Finados terá temperaturas amenas em boa parte de SC

Compartilhe

Puchalski
Por Puchalski
29/10/2020 - 08h28
Presença de um ar frio no feriadão
Presença de um ar frio no feriadão (Foto: Windy)

O calor que o Estado vem tendo nos últimos dias não estará presente no feriadão de Finados. A ilustração acima mostra que entre amanhã e a proxima segunda-feira, a presença de um ar frio - com o seu centro entre Argentina e Uruguai - irá influenciar o tempo e a temperatura dos catarinenses.

Não há previsão de frio para a maior parte do Estado, mas sim temperaturas da tarde que não subirão tanto trazendo uma cara mais de primavera. Frio podemos falar para o amanhecer dos próximos dias na Serra. Nada muito forte, mas frio.

TEMPERATURAS PREVISTAS

Entre sábado e segunda-feira as temperaturas das tardes não deverão passar muito dos 22 a 24°C boa parte das nossas cidades. Apenas no Oeste é que a temperatura deverá subir um pouco mais, mas no sábado na casa dos 26°C e no Domingo na casa dos 28°C. Noite e início de manhãs com aquele friozinho de meia estação.

TEMPO PREVISTO

O sol irá aparecer durante o feriadão - sábado a segunda - em todas as regiões. Ele não deverá predominar já que sempre terá a presença das nuvens. O feriadão praticamente todo será de nuvens e aberturas de sol. Porém, tem algumas exceções: 

- Entre a tarde/noite de sábado há chance de chuva, mas poucas cidades. Muitas terão mais aumento de nuvens. Só chamo atenção que no Oeste há chance de temporais com granizo. Poucas áreas, mas há;

- O domingo no Sul, Litoral, Vale do Itajaí e Norte terá umidade do mar. Apesar de boa parte do dia ter tempo seco, uma chuva fraca e passageira faz parte do dia. 

Leandro Puchalski

Colunista

Puchalski

Leandro Puchalski é o meteorologista da NSC Comunicação. Explica como os fenômenos climáticos impactam na vida dos catarinenses.

siga Puchalski

Leandro Puchalski

Colunista

Puchalski

Leandro Puchalski é o meteorologista da NSC Comunicação. Explica como os fenômenos climáticos impactam na vida dos catarinenses.

siga Puchalski

Mais colunistas

    Mais colunistas