nsc
    nsc

    Nunca mais

    Ato em Florianópolis relembra a tragédia do nazismo 

    Compartilhe

    Renato
    Por Renato Igor
    28/01/2020 - 09h42
    Ato lembra a tragédia do holocausto (AIC/Divulgação)
    Ato lembra a tragédia do holocausto (AIC/Divulgação)

    O Palácio Cruz e Sousa, em Florianópolis, vai receber nesta quarta-feira (29) um Ato solene para o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto. O evento marca, também, os 75 anos da libertação do campo de extermínio de Auschwitz e lembra os seis milhões de judeus assassinados durante o Holocausto. O evento começa às 19h e é uma realização da Associação Israelita Catarinense e do Consulado Geral de Israel e conta com apoio institucional da Fundação Catarinense de Cultura, Governo do Estado e Confederação Israelita do Brasil (Conib).

    Nazismo em Santa Catarina

    Pesquisa realizada pela doutora em Antropologia Social pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Adriana Dias, aponta a existência de 69 células nazistas em Santa Catarina. No último dia 19 de janeiro, um homem de 55 anos foi preso em São José, na Grande Florianópolis, flagrado com uma camiseta com suástica pendurada na janela do apartamento. Em depoimento à Polícia Civil, ele disse que era um "lobo solitário". Lobos solitários matam. Exemplos não faltam, principalmente na Europa. Inspirados por grupos terroristas, mesmo sem conexões com estes fanáticos, agem por contra própria.

    Lembrar da tragédia do Holocausto é fundamental para não permitir, nem de perto, qualquer ameaça semelhante.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas