nsc
    nsc

    Poluição

    Espuma na Lagoa da Conceição é agravada pela ação humana

    Compartilhe

    Renato
    Por Renato Igor
    17/05/2020 - 13h42 - Atualizada em: 18/05/2020 - 09h26
    Espuma densa na Lagoa da Conceição  (Foto: Orestes Alarcon)
    Espuma densa na Lagoa da Conceição (Foto: Orestes Alarcon)

    Uma espuma densa e amarelada tem chamado a atenção dos moradores e frequentadores da Lagoa da Conceição, em Florianópolis. Foram vários os relatos da presença do fenômeno nesta semana, inclusive neste domingo (17). São inúmeras as explicações técnicas e suas variáveis mas, normalmente, o que vemos é a incidência maior onde temos ligações irregulares de esgoto. Florianópolis conseguiu avançar um pouco na fiscalização e regularizações, mas o ritmo da mudança ainda é muito lento, lamentavelmente.

    poluição na Lagoa da Conceição
    poluição na Lagoa da Conceição
    (Foto: )

    A Associação de Vela e Preservação Ecológica da Lagoa da Conceição (Avelisc) encomendou um estudo para analisar a espuma em laboratório.

    A prefeitura de manifestou por nota sobre o assunto:

    Recentemente a Floram tem recebido diversos questionamentos quanto a uma espuma densa e de coloração amarelada e cheiro forte na região do centrinho da Lagoa.

    Esta espuma é decorrente da proliferação de algas nas águas da lagoa que acontece por uma conjunção de fatores tanto climáticos (calor, falta de chuva, ventos fortes) quando ambientais (excesso de nitrogênio e fósforo na água, correntes, oxigênio dissolvido).

    Esta proliferação de algas, também conhecida como maré vermelha, apesar de natural, pode ser agravada pela ação humana e acontece com mais frequência no verão. A Floram tem monitorado a região e aguarda o relatório de balneabilidade do IMA para outras manifestações. Por hora recomenda que não se entre em contato direto com a espuma.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas