nsc
nsc

Polêmica

Número de moradores de rua em Florianópolis é mentiroso, afirma vereador 

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
11/03/2020 - 20h15 - Atualizada em: 12/03/2020 - 08h00
(Foto: NSC Total)
(Foto: NSC Total)

O vereador Pedrão (PP) afirmou que o número de pessoas em situação de rua em Florianópolis não é o mesmo que a prefeitura divulga.

— O número de moradores de rua em Florianópolis é mentiroso. Somente no centro de Florianópolis o número é três vezes maior do que a prefeitura fala. Tem mais de mil – diz o vereador da capital.

Pedrão defende uma mudança de modelo de abordagem.

— É preciso fazer algo diferente. O que se faz é o mesmo assistencialismo que sempre foi feito e com os mesmo resultados – disse Pedrão.

O parlamentar é autor de um projeto que cria o Programa de Atenção ao Indivíduo (PAI).

— O PAI seria uma constante troca de pequenos serviços por abrigo, tratamento, alimentação e até remuneração. Jardinagem, limpeza urbana e outros serviços, que podem ser remunerados e qualificados ao longo do tempo – conclui Pedrão.

Maria Cláudia Goulart da Silva, secretaria de assistência social de Florianópolis, afirmou que atualmente são 460 moradores de rua em Florianópolis.

— Me surpreende o vereador falar dessas propostas porque elas já são realizadas aqui na capital. Nós encaminhamos vários para o mercado de trabalho, preparamos para concurso da Comcap e temos parceria com o Instituto de Geração de Oportunidades (Igeof) – afirmou a secretária.

Os dois participaram de um debate sobre o assunto no programa Estúdio CBN Diário desta quarta-feira(11). Confira:

Leia também: Como mudar o cenário dos moradores de situação de rua em Florianópolis

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Mais colunistas

    Mais colunistas