nsc
    nsc

    Impunidade

    Senador catarinense defende mudança no Código Penal para permitir prisão após 2ª instância

    Compartilhe

    Renato
    Por Renato Igor
    18/11/2019 - 16h42 - Atualizada em: 18/11/2019 - 16h55
    Senador Jorginho Mello defende mudança no Código de Processo Penal(Roque de Sá/Agência Senado)
    Senador Jorginho Mello defende mudança no Código de Processo Penal(Roque de Sá/Agência Senado)

    Vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, Jorginho Mello (PL/SC) defende mudança no artigo 282 do Código de Processo Penal para permitir a prisão após condenação em 2ª instância. Ele acredita que a ideia pode ser aprovada na CCJ nesta semana.

    — Temos que pensar dentro daquilo que pode ser feito — afirma.

    O parlamentar acredita que o caminho via PEC é mais difícil pela existência da discussão em ser cláusula pétrea cumprir pena sem estar transitado em julgado.

    — Há uma decepção muito grande em relação ao STF voltar atrás em relação aquilo que eles mesmos já haviam decidido. Depois da segunda instância é só enrolação. Contratam-se grandes advogados, recursos e mais recursos, para esticar prazos até a prescrição da pena — frisa Jorginho.

    Lula

    Aprovada essa decisão, o ex-presidente Lula não voltaria para a prisão. Não pode retroagir para punir o réu. Lula seria preso, entretanto, em caso de nova condenação em 2ª instância.

    Alguns países que permitem prisão após condenação em 2ª instância ou já a partir da primeira: Alemanha, Argentina, Canadá, Espanha, Estados Unidos, Inglaterra, França e Portugal.

    O grande problema é que a questão Lula contamina a qualidade do debate. Acaba virando um plebiscito de prende ou solta o ex-presidente.

    Caso o país queira dar importante passo no combate à corrupção, precisamos estar alinhados com as melhores práticas penais aplicadas no primeiro mundo. Independentemente de Lula ser atingido. Que o Congresso avance na discussão e não estimule à impunidade.

    Escute a entrevista concedida à Rádio CBN Diário:

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas