nsc
    nsc

    Educação

    Volta às aulas a partir de outubro em SC começa pelo ensino médio

    Compartilhe

    Renato
    Por Renato Igor
    08/09/2020 - 08h58
    Alunos vão voltar às aulas em diferentes momentos em Santa Catarina
    Alunos vão voltar às aulas em diferentes momentos em Santa Catarina (Foto: Diorgenes Pandini/DC)

    O governo do Estado deve confirmar nesta quarta-feira (9) a volta às aulas presenciais em Santa Catarina a partir do dia 13 de outubro e, inicialmente, pelo ensino médio.

    A secretaria estadual de Educação já havia anunciado um plano de retomada com regras sanitárias. Agora, o que irá ocorrer é a confirmação da data. Este, pelo menos, é o cenário do momento. O critério adotado é sanitário. O Estado entende que os adolescentes, mais maduros, conseguem mais facilmente respeitar os protocolos. O estágio descendente da pandemia em Santa Catarina é o fator principal para a confirmação no próximo mês.

    A volta presencial terá menos alunos circulando na escola e não será no modelo pré-pandemia, com uma aula atrás da outra. O objetivo será o de recuperar a aprendizagem. Quando houver a volta da educação infantil uma das principais características será o da redução da interação entre as crianças.

    Vizinhos

    As aulas presenciais foram retomadas nesta terça-feira (8) no Rio Grande do Sul e, diferentemente de Santa Catarina, iniciam pelo ensino infantil. O governo gaúcho explica, em seu portal na internet, que a explicação não é apenas sanitária:

    Pela natureza do ensino nesta etapa da vida da criança, não é possível adotar o ensino remoto. Isso fez com que muitos pais e responsáveis tenham deixado de pagar as escolas privadas, que correm o risco de fechar. Caso isso ocorra, essas crianças terão de ser absorvidas pela rede estadual, que não terá capacidade de se adequar à demanda.

    Além disso, a primeira infância é a mais importante etapa de aprendizagem do ser humano, principalmente os primeiros mil dias.

    >Volta às aulas: rodízio de alunos é péssima ideia, diz Sinepe

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas