Ao dizer, durante entrevista concedida ao Debate Diário, que ia à CBF denunciar o Atlético Mineiro por falta de pagamento das últimas prestações do lateral Guga, o presidente do Avaí, Francisco Battistotti, provocou o clube mineiro. O presidente do Galo, Sérgio Sette Câmara, concedeu entrevista à Radio Itatiaia dando a sua versão.

Continua depois da publicidade

Começou atacando o presidente do Avai, que disse ser conhecido por declarações bombásticas. Criticou o Leão por não honrar seus compromissos, acusando o time da Capital catarinense de uma dívida com o Atlético-MG no valor de R$ 2,7 milhões e não disse do que se tratava. Também não respondeu porque não pagou ao Avai as prestações que faltam referente à negociação de Guga. Sette Câmara disse que vai depositar em juízo a quantia devida, não falou quando.

Ficou muito claro que o Atlético realmente não pagou o que deve sobre o lateral Guga. Mesmo em juízo, se tivesse depositado, teria quitado a divida. Sugeriu que não o fez por um bloqueio que o Avai teria na justiça trabalhista. Enfim, a entrevista do presidente do Atlético Mineiro à Radio Itatiaia não esclareceu porquê o clube não pagou o que deve ao Avaí.

Destaques do NSC Total