publicidade

Navegue por
Roberto

Opinião

Título do Catarinense merecido do Avaí

Compartilhe

Por Roberto Alves
21/04/2019 - 18h38 - Atualizada em: 21/04/2019 - 18h38
Foto: Diorgenes Pandini/NSC Total
Foto: Diorgenes Pandini/NSC Total

Os 90 minutos da decisão não foram bons, com apenas meio tempo com um pouco mais de futebol. Foi exatamente como as decisões, com muito estudo e poucas chances criadas, muito enrolado. Régis marcou um golaço no fim da primeira etapa, que resultou na melhora do Avaí e, por pouco, não conseguiu liquidar a fatura antes dos pênaltis, o goleiro Tiepo salvou. Depois foi só festa na Ressacada, com a torcida invadindo o gramado e comemorando em meio aos jogadores.

Pênaltis

A competência do Avaí foi impressionante nos pênaltis. A decisão acabou sendo decidida no VAR, na cobrança de Bruno Pacheco que bateu um tiquinho em cima da linha.

Merecido

O Avaí foi a melhor equipe da primeira fase, sobrou em pontos diante dos demais, e a vantagem de jogar em casa foi preponderante. O torcedor entrou em campo junto com o Leão, essa massa azurra merece todos os elogios possíveis, comprou a ideia do título e foi fundamental.

Arbitragem

Bráulio da Silva Machado não esteve no seu melhor dia, mas pela condição de árbitro Fifa segurou bem o jogo. Demorou a soltar os cartões, ainda mais em um jogo muito pegado, o que dificultou pra ele.

Numa decisão você precisa levar em consideração que os nervos estão à flor da pele, por isso dá para considerar que ele fez uma arbitragem razoável.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação