publicidade

Capivari de Baixo

Ação fiscaliza venda de cerol e linhas chilenas no Sul de SC

Lei estadual proíbe a utilização de instrumentos cortantes em pipas e objetos similares

14/08/2019 - 10h21 - Atualizada em: 14/08/2019 - 10h23

Compartilhe

Redação
Por Redação DC

Um ação de combate à venda de cerol e linhas chilenas foi realizada em estabelecimentos comerciais do município de Capivari de Baixo, no Sul de Santa Catarina. Locais denunciados como possíveis pontos de vendas desses materiais foram visitados na terça-feira (13) pela Polícia Civil do município.

A fiscalização contou com o apoio da Guarda Municipal e de representantes do Procon do município. Informações sobre os comércios autuados não foram divulgadas.

Além da fiscalização, a ação teve como objetivo conscientizar a população sobre as consequências do uso do cerol.

Venda é proibida por lei

Desde 2001, uma lei estadual proíbe a utilização de pipas, ou objetos similares, com instrumentos cortantes. Em 2017, foi incluída na redação uma multa pelo descumprimento dessa lei.

Conforme a Polícia Civil, a pena prevista para a comercialização pode chegar a cinco anos de detenção.

Acesse o NSC Total e acompanhe as últimas notícias

Deixe seu comentário:

publicidade