nsc
    an

    Sonho realizado

    Bailarino que saiu do Morro do Alemão para o Bolshoi de Joinville é aprovado em companhia da Dinamarca

    Luis Fernando tem 20 anos e igressou na Escola Bolshoi aos 15

    08/04/2021 - 05h00

    Compartilhe

    Patrícia
    Por Patrícia Della Justina
    Ele se formou na Escola Bolshoi em 2019
    Ele se formou na Escola Bolshoi em 2019
    (Foto: )

    O bailarino Luis Fernando Rego, 20 anos, formado pelo Bolshoi de Joinville, está prestes a alcançar um sonho alto: ele foi aprovado para a Companhia Tivoli Ballet Theatre, na Dinamarca. O embarque deve acontecer ainda no mês de abril. 

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    Luis é carioca e cresceu no Morro do Alemão. Ele ingressou na única filial do Bolshoi em 2017 e, desde então, sempre sonhou com palcos internacionais. 

    Luis sonhava em dançar em uma companhia americana, mas não tinha parado para analisar a possibilidade de ir à Europa. Depois de participar de um documentário exibido na Rússia, a companhia dinamarquesa entrou em contato com ele por meio de suas redes sociais.

    > Bolshoi: o lugar onde nasce o futuro da dança no Brasil

    Prontamente, Luis aceitou o convite de participar da audição durante 2020, pela qual foi aprovado. 

    - O que não fazer pela arte? Estou disposto a encarar esse desafio. É um grande sonho ser um bailarino internacional. Mesmo com uma cultura diferente, povo, comida diferente, eu estou disposto. Só vai me trazer coisas boas. Conhecimento nunca é demais - ressalta.

    > Ex-aluno recorda trajetória de morador de abrigo a bailarino profissional

    Na Dinamarca, Luis vai se dedicar à dança e apresentações. Uma das propostas também é participar por turnês na Europa assim que permite em razão da pandemia do novo coronavírus. 

    Persistência

    O bailarino Luis fala sobre a dificuldade enfrentada durante sua carreira, especialmente por ter crescido em uma comunidade. 

    - Várias vezes eu pensei em desistir - lembra. 

    > Bailarino de Joinville conquistou sonho de integrar Balé Bolshoi de Moscou com a namorada

    Foi no projeto desenvolvido na comunidade que ele começou a ter contato com o balé clássico, aos 15 anos, fato que mudou a perspectiva de vida de Luis. 

    - Eu quero fazer minha carreira, pegar o máximo de conhecimento, crescer profissional e financeiramente. Retornando ao Brasil, quero continuar com o projeto e fazer com que outros jovens do Complexo do Alemão e outras regiões do RJ tenham a mesma oportunidade que eu tive - almeja. 

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas