publicidade

Resgate

Bebê recém-nascido se engasga e é salvo após bombeiro orientar a mãe por telefone, em Lages

Criança, de sete dias de vida, voltou a respirar após o soldado Ozair Hoffmann da Cruz Junior repassar as orientações pelo 193

19/07/2019 - 07h07 - Atualizada em: 19/07/2019 - 07h44

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Bebê recém-nascido se engasga e é salva após bombeiro dar instruções à mãe por telefone, em Lages
Soldado bombeiro militar Hoffman (ao centro) é graduado em enfermagem e especialista em urgência e emergência
(Foto: )

Uma criança recém-nascida foi salva por meio de orientações dadas por telefone pelo Corpo de Bombeiros Militar de Lages, na Serra de Santa Catarina. O caso foi divulgado pela unidade nesta quinta-feira (18).

A unidade foi acionada por meio da central de ocorrências 193 na noite de terça (16), de acordo com o Corpo de Bombeiros. A mãe teria ligado desesperada relatando que o filho de apenas sete dias de vida teria se engasgado e não estava conseguindo respirar.

As primeiras instruções de socorro foram dadas a ela pelo soldado bombeiro militar Ozair Hoffmann da Cruz Junior.

“A senhora deve colocar a criança nos braços, com a barriga para baixo, abrir a boquinha dele e bater nas costas, entre as costas e a nuca, para que ele volte a respirar”, orientou o bombeiro, que é graduado em Enfermagem e especialista em urgência e emergência.

A mãe teria feito o procedimento e, na segunda tentativa, disse que a criança teria voltado a respirar, mas não havia chorado e continuava com a pele vermelha, segundo informado aos bombeiros.

“Então coloque a criança encostada com as costas no seu peito, mantenha a boca do bebê aberta”, instruiu. Após a orientação, a mãe teria avisado o bombeiro de que a criança teria voltado a respirar.

Enquanto se comunicava com a mãe, os bombeiros acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e uma UTI móvel foi enviada à casa da criança. A mãe e o soldado continuaram em contato por telefone até que o Samu chegasse à residência. Ao chegar no local, o médico teria constatado que a criança recém-nascida já estava fora de perigo.

Como agir ao perceber uma criança engasgada

Ao perceber que uma criança está engasgada, a primeira orientação é ligar para o 193. Depois, é preciso manter a calma para conseguir passar as orientações necessárias aos bombeiros.

Informar o endereço, ponto de referência e telefone de contato é fundamental para que a unidade envie uma ambulância até o local. A indicação do Corpo de Bombeiros é que a pessoa ao telefone repasse a alguém próximo o procedimento, que deverá ser feito na criança, informado pelo atendente.

Acesso o NSC Total e acompanhe as últimas notícias

Deixe seu comentário:

publicidade