nsc
    dc

    Na Esplanada

    Bolsonaro usa helicóptero e anda a cavalo durante ato contra STF e Congresso

    Manifestação avançou até a frente do Palácio do Planalto neste domingo (31)

    31/05/2020 - 17h58

    Compartilhe

    Por Folhapress
    Presidente andou a cavalo e cumprimentou manifestantes
    Presidente andou a cavalo e cumprimentou manifestantes
    (Foto: )

    *Por Thiago Resende e Talita Fernandes

    O presidente Jair Bolsonaro requisitou um helicóptero oficial para sobrevoar a Esplanada dos Ministérios neste domingo (31) e prestigiar mais uma manifestação a favor de seu governo e contra o STF e o Congresso.

    Depois, desceu e caminhou para cumprimentar seus apoiadores que estavam em frente ao Planalto. Ele não utilizava máscara, obrigatória no Distrito Federal como medida de combate à Covid-19. Em seguida, andou a cavalo diante de manifestantes. O presidente não deu declarações.

    Ainda neste domingo à tarde, outra manifestação em São Paulo, a favor da democracia, acabou em confusão. Torcidas antifascistas foram abordadas por Policiais Militares e grupos pró-governo e houve confronto.

    Na domingo passado (24), o presidente também havia utilizado um helicóptero para sobrevoar a área.

    Neste domingo, uma carreata e pessoas à pé se dirigiram à Praça dos Três Poderes, onde um grupo se aglomerou à espera do presidente da República.

    O helicóptero, em um passeio de 40 minutos, deu pelo menos seis voltas na Esplanada e pousou por volta das 12h no Palácio do Planalto. Após cumprimentar apoiadores, o presidente retornou ao Alvorada de helicóptero.

    Como tem ocorrido constantemente, o STF foi o principal alvo das palavras de ordem e das placas carregadas por manifestantes.

    ​Placas afirmavam: "Supremo é o povo" e "Abaixo a ditadura do STF". Faixas faziam ataques ao Supremo e pediam intervenção militar. Congressistas foram chamados de corruptos.

    Manifestantes demonstraram ainda apoio aos ministros Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional) e Abraham Weintraub (Educação). "Fake news não é crime", dizia uma faixa. O número de manifestantes deste domingo era um pouco maior do que o da semana passada.

    Neste sábado (30), sem compromissos oficiais previstos, Bolsonaro também usou um helicóptero, desta vez para visitar cidades de Goiás que ficam próximas a Brasília.

    De acordo com imagens publicadas por apoiadores nas redes sociais, sem usar máscara, o presidente causou aglomeração em uma lanchonete no município de Abadiânia, contrariando orientações sanitárias e repetindo cenas provocadas por ele durante a pandemia do coronavírus.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Política

    Colunistas