No dia 25 de maio, sábado, o visitante mais frequente das lojas das Casas Bahia, em Suzano (SP), ganhou um lar. As informações são do portal Histórias com Valor.

Continua depois da publicidade

Segundo o gerente da unidade, Wilson Moreira, há mais de um mês o animal já aparecia pelo estabelecimento, tirando cochilos nos sofás que estavam à venda, interagindo com os funcionários, ganhando água, comida e carinho.

— Aqui já temos uma rotina voltada a sempre ajudar, pois, por ser uma região central, sempre aparecem animais por aqui — disse Moreira.

arquivo pessoal
(Foto: arquivo pessoal)

Durante as visitas do cão à loja, Henrique Ferreira, 33, ficou cada vez mais próximo do amigo de quatro patas. O colaborador não resistiu ao animalzinho e adotou Dook, nome dado ao seu novo companheiro.

Continua depois da publicidade

— O pessoal falava: 'por que você não adota ele', até que um dia, no fim do expediente, ele estava me esperando — conta Henrique.

Em entrevista à reportagem, o funcionário contou que foi assaltado recentemente e está com algumas dívidas. Mesmo assim, a bondade e a gratidão de Dook foram suficientes para ele esquecer qualquer dificuldade:

— Apesar dos problemas financeiros, eu não pensei duas vezes de levá-lo pra casa. Peguei um pouco de ração da minha mãe e no dia seguinte comprei no cartão um pacote de ração de 15 kg e uma coleira. Um amigo, que eu divido moradia comigo, fez uma casinha improvisada com um edredom quentinho. Quando ele quer fazer suas necessidades na rua, ele me chama. Amei isso, pois, já que estou gordinho, ele está me incentivando a andar com mais frequência — brincou.

Dook agora tem um sofá para chamar de seu
Dook agora tem um sofá para chamar de seu (Foto: arquivo pessoal )

Em nota, a assessoria da Casas Bahia informou que “a empresa parabenizou a equipe e estima que atitudes como essa sejam exemplos a serem seguidos por outras unidades e lojas que representam a marca”.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total