nsc
an

Prisão 

Caixeiros de Joinville são presos no Rio Grande do Sul

A DIC de Joinville conduziu as investigações e realizou a prisão nesta sexta-feira

22/02/2019 - 21h09 - Atualizada em: 23/02/2019 - 12h15

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
A prisão ocorreu por volta das 18h desta sexta-feira
(Foto: )

Um grupo de sete pessoas foi preso em flagrante, por volta das 18h desta sexta-feira (22), pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Joinville. A ação aconteceu em Morro Redondo, no Rio Grande do Sul. Os caixeiros, como são conhecidos os arrombadores de caixas eletrônicos de Joinville, todos entre 30 e 40 anos, estavam no município gaúcho próximo à fronteira com o Uruguai.

A operação foi chamada de "Sem Fronteiras". Segundo o delegado responsável pelas investigações, Murilo Batalha, o grupo pretendia realizar mais arrombamentos em caixas eletrônicos de outros países.

— Nós já sabíamos do histórico dos integrantes e começamos o monitoramento no fim de setembro de 2018, a partir de registros de outras ocorrências na cidade — disse o delegado.

Ao receberem a informação de que o grupo estaria indo ao Rio Grande do Sul e que ficariam um mês para fazer arrombamentos em agências bancárias, a DIC se deslocou até a região do Estado vizinho. Os caixeiros foram localizá-los em uma área rural do município. Eles estavam a cerca de 20 quilômetros para dentro de um matagal, em uma casa abandonada.

De acordo com Batalha, todos os integrantes têm passagens pela polícia por furto a bancos e já possuíam mandado de prisão. Com eles foram apreendidos materiais que seriam utilizados em furtos, como furadeiras, cinco maçaricos e outras ferramentas.

Colunistas