nsc
    dc

    Recomeço

    Campanha na internet propõe ajudar casal de SC que perdeu veleiro na passagem do furacão Irma no Caribe

    Desde setembro submersa, a embarcação só foi retirada do mar no dia 19 de novembro 

    29/11/2017 - 14h21 - Atualizada em: 30/11/2017 - 04h39

    Compartilhe

    Por Redação NSC

    Uma campanha na internet, criada por Viviane Gastaldon Damiani Silveira Mira, uma mulher que admirava o trabalho feito pelo casal catarinense Luiz e Mauriane Conte, propõe arrecadar fundos para que os aventureiros recuperem o veleiro destruído em setembro deste ano, após a passagem no furação Irma em Tortola, nas Ilhas Virgens Britânicas, no Caribe.

    A vaquinha está disponível no site Arrekade e pede doações de R$ 5. Não há objetivo final, mas até esta quarta-feira a quantia de R$ 1,9 mil já havia sido arrecadada. A campanha segue até o dia 16 de dezembro. O casal, que se conheceu em Joinville, no Norte de SC, costumava fazer viagens a bordo do barco batizado de Cascalho há pelo menos cinco anos. Segundo a descrição da campanha, Luiz e Mauriane trabalhavam levando pequenos grupos de pessoas em viagens pelo Caribe.

    Conforme o DC publicou em setembro deste ano, o casal chegou a deixar a embarcação amarrada no píer e, até a primeira passagem do furacão, o barco estava intacto. Porém, após a passagem do olho do furacão, que durou cerca de 20 minutos, a embarcação afundou após ser atingida por outro barco. Conforme relato feito pelo casal em uma página no Facebook, a embarcação, que seguia submersa desde a passagem do furacão, só foi retirada do fundo do mar no dia 19 de novembro.

    (Foto: )

    Leia mais:

    A bordo de um veleiro, casal de SC relata momentos de pavor na passagem do furacão Irma, no Caribe

    (Foto: )

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas