nsc
an

Suspeita

Cão "xodó" de viúva é encontrado morto em Massaranduba; suspeita é de envenenamento

Max tinha 12 anos e era cachorro de guarda da mulher de 52 anos

12/05/2022 - 11h16 - Atualizada em: 12/05/2022 - 11h21

Compartilhe

Sabrina
Por Sabrina Quariniri
Animal foi encontrado dentro de uma vala
Animal foi encontrado dentro de uma vala já sem vida
(Foto: )

Um cão de guarda foi encontrado morto no início da manhã desta quinta-feira (12) e a suspeita dos donos é de que ele tenha sido envenenado. Max tinha 12 anos e fazia a segurança da mãe de Lucas Antonio Spezia, 27, que é viúva e mora sozinha. 

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O animal foi encontrado por Lucas e seu amigo Thiago Rubin, 28, dentro de uma vala cheia d'água, a 100 metros da casa onde vivia com a mulher, de 52 anos. 

Por volta das 5h30, Lucas recebeu a mensagem de um vizinho alertando ter visto o cão "cambaleando" na rua. No entanto, quando leu o texto e foi procurar Max na companhia do amigo, ele já estava sem vida. 

— Provavelmente foi envenenamento. Já tentaram uma vez, há três anos, mas o Lucas viu a tempo, deu um remédio e conseguiu salvar. Desta vez, até cogitamos atropelamento, mas buscamos ele para enterrar e vimos que não tinha ferimentos no corpo — conta Thiago. 

Além de Max, Lucas diz que duas sacacuras também foram encontradas mortas próximas ao local, no bairro Primeiro Braço. Há algumas semanas, um gato da vizinhança também foi achado sem vida pela dona. 

Apesar da suspeita de envenenamento, Thiago diz que não há desconfinças sobre quem pode ter dado veneno ao animal, já que a região é mais afastada do Centro da cidade e os moradores vivem em casas distantes. 

Thiago, que é próximo da família, diz que a viúva está arrasada. 

— Ele era o xodó dela. Ela o chamava de "cachorro da viúva. Ela está triste, muito mal. Isso foi uma sananagem, pra que fazer isso com o bichinho? — se indigna. 

À Rádio 105 FM, o comandante da 2ª Companhia do 14º BPM, major Edson Jesus da Silva, informou que deve averiguar a situação. 

Leia também

Colunistas