nsc
    dc

    EUA

    Catarinense que mora na Flórida relata escassez em mercados por conta do furacão Dorian

    Segundo advogado natural de Criciúma, água e enlatados já terminaram em alguns mercados

    02/09/2019 - 13h50 - Atualizada em: 02/09/2019 - 14h27

    Compartilhe

    Larissa
    Por Larissa Neumann
    Busca por alimento se intensificou no fim de semana
    Busca por alimento se intensificou no fim de semana
    (Foto: )

    O furacão Dorian atingiu o norte das Bahamas no fim de semana. Agora, após vários dias de incerteza sobre a trajetória do fenômeno, moradores dos Estados americanos nas regiões leste e sudeste — Flórida, Geórgia e Carolina do Sul — começam a se preparar para a chegada do furacão Dorian.

    É o caso do catarinense, natural de Criciúma, João Gustavo Schlemper, que mora com a noiva em Fort Myers, na costa Oeste da Flórida, região que fica a cerca de 200 quilômetros de Miami.

    No local onde o advogado mora já não há mais risco de grandes estragos, pois a previsão aponta uma mudança na rota do furacão. Apesar disso, a preparação dos moradores até então foi intensa. Schlemper conta que alguns postos de combustíveis ficaram sem gasolina e, em outros, as filas eram extensas.

    Além disso, a busca por mantimentos esvaziou as prateleiras de supermercados. Segundo o catarinense, que viajou para estudar e está na Flórida há três meses, água e enlatados faltavam em alguns locais.

    Apesar disso, Schlemper ressalta que vigora uma lei impedindo que lojistas aumentem o preço das mercadorias nessas situações.

    — As lojas de construção estavam lotadas com a alta procura de madeira para cobrir as janelas, mas o furacão mudou a rota. As previsões mostram que ele não passará por aqui — conta.

    Schlemper ainda comenta que as ruas foram sinalizadas com placas que indicam rotas de fuga em caso de evacuação das cidades. Nesta segunda-feira, conta o catarinense, o clima na cidade era tranquilo e a maioria do comércio funcionou normalmente.

    Com ventos sustentados de 295 km/h, o furacão Dorian, de categoria 5, tocou a terra ao meio-dia de domingo (horário local) na ilha Elbow, que faz parte das Ilhas Ábaco, no noroeste das Bahamas.

    Confira imagens feitas pela Nasa que mostram o furacão Dorian:

    ​Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas