nsc
an

Acidente

Cavalo é sacrificado após ser atropelado e abandonado em Joinville

Animal quebrou a pata e precisou passar por uma eutanásia

23/12/2021 - 15h11 - Atualizada em: 23/12/2021 - 16h54

Compartilhe

Marcelo
Por Marcelo Henrique
Cavalo abandonado
Cavalo precisou ser sacrificado por causa da fratura da pata
(Foto: )

Um cavalo foi sacrificado no bairro Paranaguamirim, em Joinville, após ser atropelado por uma Topic e abandonado em um terreno baldio nesta quarta-feira (22). Segundo a presidente da Frente de Ação pelos Direitos Animais (Frada), Liliane Lovato, o animal estava com a pata quebrada e precisou passar por uma eutanásia (tratamento que permite uma morte indolor para aliviar o sofrimento de uma doença incurável ou dolorosa).

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Segundo a Frada, o animal teria fugido da cocheira de uma fazenda próxima de Araquari, no Norte de SC, e atravessou a cidade atrás de uma égua no cio que estava solta. Os tutores do animal até tentaram resgatá-lo, mas só o encontraram quando foi atropelado.

Após o acidente, o Centro de Bem Estar Animal (CBEA) foi chamado para prestar atendimento e foi constatado a necessidade de uma eutanásia no cavalo. O menino que era dono do animal foi até o local e chorou muito com a perda, segundo a Frada.

Cavalos são vistos com frequência nas ruas

Esse não é o primeiro caso de um cavalo visto nas ruas. Liliane afirma que existem muitos animais soltos na região do Paranaguamirim e do Itinga. Nos comentários da denúncia da Frada nas redes sociais, moradores cobraram fiscalização nas áreas urbanas.

De acordo com a prefeitura de Joinville, "não é papel do poder público fazer esse monitoramento de animais", pois seria impossível fazer uma cobertura de fiscalização. 

Quando há registros de abandono de animais, a prefeitura atende com base nas denúncias que chegam, quando a equipe do CBEA é acionada e faz os atendimentos necessários para tentar inicialmente localizar o proprietário do animal abandonado.

*Sob supervisão de Sabrina Quariniri

Leia também:

Reforma de vias na zona Sul de Joinville continua nos planos; binário sem previsão

Confira as opções de ceia de Natal e Ano Novo em Joinville para 2021

Serviços e comércio lideram em novas vagas em Joinville em novembro

Colunistas