nsc
an

Remuneração

Veja quais são as cidades com os maiores salários na região Norte de SC

Joinville está entre as cidades com maior remuneração da região

10/08/2021 - 11h52 - Atualizada em: 10/08/2021 - 12h24

Compartilhe

Isadora
Por Isadora Nolf
Salário médio no norte catarinense
Com base no salário mínimo atual de R$ 1.100, o trabalhador formal catarinense ganha, em média, R$ 2.519 por mês
(Foto: )

Conforme a pesquisa mais recente do IBGE, a média salarial dos trabalhadores formais do Norte de Santa Catarina soma, aproximadamente, 2,29 salários mínimos. Os dados foram retirados de uma pesquisa publicada pelo IBGE este ano, que coletou informações da remuneração de todas as 26 cidade do norte catarinense em 2019. 

> Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Com base no salário mínimo atual de R$ 1.100 - alterado pela última vez em maio deste ano -, o trabalhador formal catarinense ganha, em média, R$ 2.519 por mês. Entre as cinco cidades com maiores salários no norte catarinense, a remuneração média fica por volta de R$ 3.000. Confira:

Cidades com o maior salário médio no Norte de SC

1°) São Francisco do Sul - 3,6 salários mínimos (R$ 3.960);

2°) Jaraguá do Sul - 3,1 salários mínimos (R$ 3.410);

3°) Três Barras - 3 salários mínimos (R$ 3.300);

4°) Itapoá - 3 salários mínimos (R$ 3.300); 

5°) Joinville - 2,8 salários mínimos (R$ 3.080).

Já entre as cidades com os menores salários, o valor não ultrapassa R$ 2.500 por mês:

1°) Papanduva - 2 salários mínimos (R$ 2.200);

2°) Campo Alegre - 2 salários mínimos (R$ 2.200);

3°) Bela Vista do Toldo - 2 salários mínimos (R$ 2.200);

4°) Timbó Grande - 1,8 salários mínimos (R$ 1.980); 

5°) Monte Castelo - 1,7 salários mínimos (R$ 1.870).

É possível perceber que, mesmo que a maioria das cidades do norte catarinense pertençam à média salarial - 20 das 26 cidades possui uma remuneração média de 2 salários mínimos - a diferença entre os dois extremos da pesquisa é grande. Entre São Francisco do Sul e Monte Castelo, há aproximadamente R$ 2.090 de diferença.

> Aumento de salário em SC precisa resultar em melhores serviços

Ainda que, no cenário catarinense, Joinville esteja bem posicionada, a situação é outra nos cenários estadual e nacional. Em toda Santa Catarina, Joinville está como 12° cidade com maior salário, ranking liderado por Florianópolis com uma média de 4,5 salários mínimos (R$ 4.950). 

Confira a colocação de algumas das cidades do norte catarinense no ranking nacional:

1°) Macaé (RJ) - 6,1 salários mínimos (R$ 6.710);

2°) Japaratuba (SE) - 5,4 salários mínimos (R$ 5.940);

3°) Candiota (RS) - 5,3 salários mínimos (R$ 5.830);

4°) Brasília (DF) - 5,3 salários mínimos (R$ 5.830); 

5°) São Francisco do Conde (BA) - 5,2 salários mínimos (R$ 5.720).

-- 

11°) Florianópolis - 4,5 salários mínimos (R$ 4.950);

44°) São Francisco do Sul - 3,6 salários mínimos (R$ 3.960);

123°) Jaraguá do Sul - 3,1 salários mínimos (R$ 3.410);

241º) Joinville - 2,8 salários mínimos (R$ 3.080).

Outro indicador que merece ser considerado é a taxa de empregabilidade de cada cidade, que, em termos simples, mostra a porcentagem da população que possui trabalho formal. Neste quesito, Joinville também esta bem posicionada. Confira o ranking das cidades do norte catarinense com a maior porcentagem da população empregada:

1°) Campo Alegre - 46,0% da população;

2°) Araquari - 45,7% da população;

3°) Jaraguá do Sul - 43,4% da população;

4°) Joinville - 42,2% da população;

5°) São Bento do Sul - 38,2% da população;

Leia mais:

> Professores terão ‘salário mínimo’ de R$ 5 mil em SC, diz Moisés

> Churrasco e cesta básica ficam mais caros em Joinville

> População do Sul está mais otimista frente à pandemia, revela pesquisa da CNI

Assista:

*Sob a supervisão de Lucas Paraizo

Colunistas