nsc

    Educação

    Com aulas suspensas, prefeituras apostam em atividades à distância na Grande Florianópolis

    Plataformas digitais ou material impresso ajudam na aprendizagem de alunos das redes municipais durante o isolamento 

    08/05/2020 - 09h31 - Atualizada em: 08/05/2020 - 14h36

    Compartilhe

    Juliana
    Por Juliana Gomes
    Famílias sem acesso à internet retiram material didático na escola
    Famílias sem acesso à internet retiram material didático na escola
    (Foto: )

    Com as aulas suspensas pelo governo de Santa Catarina por tempo indeterminado para evitar a disseminação do coronavírus, as prefeituras de Biguaçu, Florianópolis e São José oferecem atividades pedagógicas não presenciais. Alunos da rede municipal podem acessar plataformas digitais dos municípios ou retirar material impresso nas unidades.

    Em Florianópolis, os alunos da rede municipal participam de atividades pedagógicas por meio do Portal Educacional.

    - Lá existem um link para cada escola, por exemplo, a Escola Herondina está com mais de 600 atividades, desde aula, videoaula, sugestão de conteúdo, contação de histórias... (...) Claro que não é o ideal, mas foi a alternativa que o mundo encontrou para que as crianças tenham alguma atividade – explicou o secretário Maurício Fernandes Pereira.

    >Em site especial, saiba tudo sobre o coronavírus

    Ano letivo

    As atividades realizadas no período de isolamento serão contabilizadas às 800 horas/aula mínimas, de cada ano letivo, exigidas pela Lei de Diretrizes e Bases da educação nacional.

    - Não tenha dúvida de que a gente vai ter alguma perda de aprendizagem. Agora, a gente tem que diminuir essa perda. (...) Então, a nossa estratégia tem sido de que as atividades cheguem até as crianças e esse tempo seja reconhecido para as 800 horas. Não vai ser pedagógico depois de toda dificuldade que todos estão passando nesse momento, ter aulas sábado, domingo, feriado e levar o ano de 2020 até o ano de 2021 – afirmou Pereira.

    São José

    Em São José, as atividades escolares estão disponíveis na plataforma EducarWeb. O login e a senha para o acesso dos alunos ao site foram informados por telefone ou via redes sociais para as famílias.

    As atividades atendem à orientação dos conselhos Nacional e Municipal de Educação e, assim como na capital, serão contabilizadas às horas/aula mínimas do ano letivo. No caso de dúvidas ou dificuldades, as famílias podem entrar em contato com a secretaria pelo 3381-7460, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h30min às 17h30min.

    Biguaçu

    Em Biguaçu, a prefeitura entrega kits de materiais e atividades pedagógicas para alunos do ensino fundamental e da educação de jovens e adultos (EJA) dentro de um cronograma por turmas. Pais ou responsáveis que forem fazer a retirada nas escolas devem usar máscara.

    No local, email e WhatsApp das famílias serão atualizados para envio dos conteúdos seguintes.

    A data da entrega de atividades para crianças da Educação Infantil será divulgada nos próximos dias. Outros detalhes podem ser obtidos pelo 9 9122-2714. A prefeitura não informou se as atividades serão contadas às 800 horas do ano letivo.

    Retomada

    Em Florianópolis, a secretaria de educação prepara um protocolo para retomada das atividades presenciais na capital. Diversos aspectos estão sendo considerados, desde a infraestrutura de escolas, creches até a realização de aulas em dias alternados para diferentes etapas de ensino para evitar aglomerações. O documento deve ser divulgado na próxima semana.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas