publicidade

Entretenimento
Navegue por

RECONHECIMENTO INTERNACIONAL 

Com "Bacurau", Brasil vence pela primeira vez o Prêmio do Júri em Cannes 

Troféu é considerado o terceiro mais importante do festival 

25/05/2019 - 16h19

Compartilhe

Por GaúchaZH
Juliano Dornelles (à esquerda) e Kleber Mendonça Filho (no centro) recebem a congratulação em Cannes por Bacurau
Juliano Dornelles (à esquerda) e Kleber Mendonça Filho (no centro) recebem a congratulação em Cannes por Bacurau
(Foto: )

O longa brasileiro Bacurau, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, conquistou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes. O anúncio foi realizado neste sábado.

O troféu é considerado o terceiro mais importante do evento. Bacurau dividiu a premiação com o filme francês Les Misérables, de Ladj Ly.

Essa é a primeira vez que uma produção brasileira vence o Prêmio do Júri. Ao longo da história, o Brasil só conquistou a Palma de Ouro, principal láurea do evento, uma única vez, em 1962, com O Pagador de Promessa, de Anselmo Duarte.

 Cena do filme Bacurau, de de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles
Cena do filme Bacurau, de de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles
(Foto: )

Em 1969, Glauber Rocha foi premiado como melhor diretor, por O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro. Além disso, já foram premiadas também as atrizes Fernanda Torres, por Eu Sei Que Vou Te Amar (1986), e Sandra Corveloni, por Linha de Passe (2008).

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação