nsc
an

Epidemia

Com mais de 13 mil infectados, Joinville confirma mais três mortes por dengue

Vítimas são idosos e moradores dos bairros Costa e Silva, Comasa e Espinheiros

30/06/2022 - 18h12

Compartilhe

Luana
Por Luana Amorim
Cidade já acumula 16 mortes em decorrência da doença este ano
Cidade já acumula 16 mortes em decorrência da doença este ano
(Foto: )

Joinville, no Norte de Santa Catarina, confirmou mais três mortes em decorrência da dengue nesta quinta-feira (30). Com isso, a cidade soma 16 óbitos em 2022, segundo dados da Secretaria de Saúde. 

Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

As vítimas são três idosos: um morador do bairro Espinheiros, de 64 anos; um do bairro Comasa, de 72 anos; e um de 74 anos, do bairro Costa e Silva. Conforme a prefeitura, os óbitos aconteceram nos dias 22 e 26 de maio. Além disso, os três receberam atendimento em unidades da rede pública. 

A cidade já confirmou, neste ano, 13,1 mil casos de dengue, além de identificar 9,9 mil focos do mosquito Aedes aegypti. Os bairros Costa e Silva, Iririú, Comasa, Jardim Iririú e Aventureiro lideram no número de confirmados. 

Para simplificar e desburocratizar o contato entre a comunidade e a equipe de Vigilância Ambiental, a prefeitura lançou a funcionalidade "Denunciar foco da dengue" no aplicativo Joinville Fácil. 

Com a ferramenta, os moradores podem colaborar com a ação dos agentes de combates a endemias por meio da indicação dos pontos que sirvam de criadouro para o mosquito transmissor da dengue. 

Leia também: 

Duas crianças menores de 5 anos morrem por dia de Covid-19 no Brasil, aponta pesquisa

Grande Florianópolis abre mais de 20 vagas para pediatras em momento de crise na saúde

Santa Catarina investiga dois casos suspeitos da varíola dos macacos

Colunistas