Depois de passar 24 anos sem conquistar um título da Copa do Mundo, o Brasil conquistou o Tetracampeonato em 1994 com mais um marco histórico. A vitória da Seleção Brasileira foi a primeira final de Copa a ser decidida nos penâltis, contra a Itália. Mas, como estão os principais craques após três décadas da conquista? Confira a seguir mais sobre os principais craques e veja como ficaram as carreiras de cada um deles.

Continua depois da publicidade

Como estão os jogadores do Tricampeonato da Seleção Brasileira, 54 anos depois

Siga as notícias do Hora no Google Notícias

Na conquista do Tetra, disputada nos Estados Unidos, a Seleção Brasileira era comandada por Carlos Alberto Parreira, um dos técnicos mais conhecidos do futebol do país. Além do Brasil ter a melhor equipe, teve ainda o melhor jogador da Copa: o atacante Romário foi eleito o melhor jogador do torneio. Junto de Romário, craques como Taffarel, Raí, Dunga e Bebeto.

Continua depois da publicidade

Como estão os principais jogadores da Seleção Brasileira Tetracampeã

Romário

O atacante Romário foi o grande destaque da Copa em 1994. Nas disputas, liderou o time com seu jeito irreverente, polêmico e “esquentado”. Fez 5 gols, consagrando-se o melhor jogador da Copa do Mundo naquele ano, quando tinha 28 anos de idade. Depois de aposentar as chuteiras, Romário resolveu entrar na vida política. Atualmente é senador pelo Rio de Janeiro.

Taffarel

Na Copa de 94, o goleiro Taffarel escreveu seu nome na história do futebol pela brilhante campanha. Na final contra a Itália, o goleiro foi responsável por defender os gols de penâltis que dariam a vitória ao Brasil. Na época, tinha 28 anos, assim como o craque Romário. Taffarel segue no mundo do futebol e é preparador de goleiros.

Continua depois da publicidade

Raí

O jogador Raí está na lista de atletas marcantes pela Copa de 1994 até pela controvérsia de sua campanha. Começou com titular e capitão, mas encerrou o torneio no banco de reservas. Mesmo assim, o camisa 10 fez uma ótima campanha e até marcando um gol na estreia contra a Rússia. Em 1994, tinha 29 anos. Depois da aposentadoria dos campos, Raí tornou-se criador de uma entidade filantrópica, tem atuação política e realiza Mestrado em Ciências Políticas, na França.

Dunga

Considerada por especialistas, como a maior conquista da carreira de Dunga, a Copa de 1994 teve o protagonismo do jogador gaúcho. Levantou a taça com abraçadeira de capitão, aos 31 anos, e é apontado por muitos como o principal “mentor” de Romário. Por isso, o trabalho de capitão do jogador durante a Copa nos Estados Unidos é elogiado até hoje. Tornou-se técnico e chegou a comandar a Seleção Brasileira e, atualmente, dedica-se em causas sociais.

Bebeto

O atacante Bebeto fez uma dupla memorável com o craque Romário na Copa do Mundo de 1994. Aos 30 anos, Bebeto ainda ficou conhecido pela comemoração de um dos gols que marcou na época. Após marcar contra a Holanda, o atacante simulou estar embalando o filho nos braços, imagem que percorreu o mundo todo. Hoje, Bebeto é comentarista de esportes na televisão.

Continua depois da publicidade

Elenco da Seleção Brasileira na Copa de 1994

Além dos craques destacados, a Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1994 contou com um elenco incrível. Confira a seguir todos os convocados:

  • Goleiros: Gilmar, Taffarel e Zétti
  • Zagueiros: Aldair, Márcio Santos, Ricardo Rocha e Ronaldão
  • Laterais: Branco, Cafu, Jorginho e Leonardo
  • Meio Campo: Dunga, Evandro Mota, Mauro Silva, Mazinho, Paulo Sérgio, Júnior, Raí e Zinho
  • Atacantes: Bebeto, Müller, Romário, Ronaldo e Viola
  • Técnico: Carlos Alberto Parreira
  • Auxiliar Técnico: Zagallo

Leia também

Os 20 fatos icônicos do esporte que marcaram a história mundial

Como estão os jogadores da Seleção Brasileira do Penta, 22 anos depois

Destaques do NSC Total