nsc
an

publicidade

Meio ambiente

Como funciona o serviço de coleta seletiva em Joinville

Entenda quem recolhe e para onde vai o lixo separado para reciclagem

03/06/2019 - 17h25

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Lixo reciclável é recolhido pela Ambiental e levado para as cooperativas de reciclagem
Lixo reciclável é recolhido pela Ambiental e levado para as cooperativas de reciclagem
(Foto: )

A necessidade da separação do lixo reciclável vem sendo muito divulgada ao longo dos últimos anos em Joinville. No entanto, nem todos os joinvilenses sabem para onde vão os resíduos que são deixados nas lixeiras para serem recolhidos pelos caminhões da coleta seletiva.

A empresa Ambiental é a responsável por fazer a coleta dos resíduos que são separados pelas pessoas. Ela tem um cronograma de dias e horários para passar nas ruas da cidade com os caminhões. Esses veículos recolhem todo o material e levam para seis cooperativas de recicladores que são cadastradas na Prefeitura e hoje atuam em Joinville.

As cooperativas têm espaços onde recebem os resíduos, fazem a separação de todo o material e depois compactam para fazer a reciclagem. Ao final desse processo, o material reciclado é vendido pelas cooperativas para empresas interessadas.

No entanto, nem tudo que as cooperativas recebem de resíduo pode ser reciclado. No caso da Recicla, por exemplo, 30% de todo o material que é recolhido pela Ambiental e levado para o galpão da cooperativa é de rejeitos. Outros 40% são de materiais de vidro. Hoje, o quilo do vidro é vendido por apenas R$ 0,05. Os 30% restante dos resíduos são de outros materiais, como o plástico, que é vendido, em média, a R$ 2,20 o quilo.

O lucro dessas vendas é usado para manter o negócio das cooperativas, como o pagamento de aluguel do galpão - no caso daquelas que não têm um espaço próprio. O valor que sobra é dividido entre todos os cooperados. Desta forma, é que muitas famílias conseguem uma renda mensal na cidade.

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Cotidiano

publicidade

Colunistas

    publicidade

    publicidade

    publicidade