nsc
    dc

    Khronos apresenta

    Conheça posições estratégicas para instalar as câmeras de segurança da sua casa 

    Veja como ficar mais protegido com o uso correto de sistemas de monitoramento por imagens

    22/01/2019 - 14h35 - Atualizada em: 25/01/2019 - 08h21

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Khronos
    Instale as câmeras em posições estratégicas
    (Foto: )

    O mercado global das câmeras de segurança deve faturar US$ 68,34 bilhões até 2023, com crescimento médio anual de 13,1%, segundo dados da consultoria Markets and Markets divulgados pelo Portal Exame. Esse crescimento é um reflexo da preocupação crescente da população quanto à segurança das suas residências. Em 2016, uma pesquisa feita pelo Focus – projeto de extensão da Furb (Universidade Regional de Blumenau) –, com temas sugeridos pelos veículos da NSC, revelou que 57,1% dos catarinenses sentem-se inseguros no estado.

    E não é pra menos: o número de assaltos no Brasil é no mínimo duas vezes maior do que a média mundial, segundo relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) divulgado pelo Portal ISTOÉ. A pesquisa, chamada de Better Life Initiative (Iniciativa Vida Melhor, em português), apontou que 7,9% das pessoas entrevistadas no Brasil relataram terem sido vítimas de assaltos nos 12 meses anteriores. A taxa é quase o dobro do que a média nos países pesquisados pela organização, que é de 4%.

    Dicas para instalar câmeras de segurança em pontos estratégicos

    Ainda que Santa Catarina vivencie uma situação diferenciada da maior parte dos estados brasileiros, segundo mostram os dados da Secretaria de Segurança Pública, que apontam redução no número de roubos, homicídios e latrocínios nos 11 primeiros meses de 2018, na comparação com o mesmo período dos anos anteriores, o tema é um dos que mais preocupam os catarinenses.

    Frente a esse desafio para a segurança pública, apenas instalar um sistema de câmeras de segurança, sem planejamento e profissionalismo, não é o bastante para enfrentar a criminalidade. Com frequência, jornais divulgam notícias de assaltos que não são resolvidos devido ao mau posicionamento das câmeras de segurança, que não conseguem capturar o rosto dos envolvidos.

    Portanto, é preciso conhecer posições estratégicas para instalar um sistema de segurança e, assim, estar realmente protegido. O portal Terra, que fez entrevistas com alguns profissionais de segurança, reuniu algumas dicas de como cuidar e melhorar a instalação e a eficiência das câmeras de segurança. Confira a seguir:

    1. Coloque as câmeras de segurança em uma altura adequada

    Para evitar que o equipamento seja alvo de vandalismo, sendo retirado antes mesmo de haver o registro de uma ocorrência, você deve buscar uma empresa que execute a instalação em um local de difícil acesso – normalmente em uma altura de 3 metros acima do chão.

    2. Busque o posicionamento correto das câmeras de segurança

    No caso de câmeras externas, é sempre recomendável colocá-las na direção oposta ao sol, principalmente porque os raios solares podem acabar aquecendo o sensor do equipamento.

    Procure uma companhia que faça todos os ajustes de ângulo necessários para melhorar a filmagem e proteger o equipamento. Nas áreas internas, os cuidados com o posicionamento das câmeras de segurança podem ser menores, já que o equipamento não fica exposto.

    Nesses casos, as câmeras de segurança devem ser instaladas em pontos específicos que requeiram maior monitoramento.

    3. Tenha cuidado com a iluminação

    Nos pontos onde a câmera de segurança é instalada, é preciso averiguar com atenção a iluminação que estará disponível para a filmagem. Isso porque a luz do sol, dependendo da posição em que a câmera de segurança estiver, pode atrapalhar a visibilidade da imagem gravada. Se, por outro lado, o local não for muito iluminado, verifique a possibilidade de instalar algumas luzes próximas aos equipamentos de segurança.

    Onde instar
    Onde instalar as câmeras?
    (Foto: )

    Onde instalar as câmeras de segurança

    - Porta da frente

    Ter uma câmera de segurança que capte imagens da porta e de suas adjacências é fundamental para a prevenção de roubos à sua residência.

    - Porta dos fundos

    A porta dos fundos da casa também é um bom lugar para colocar uma câmera de segurança. A maioria dos ladrões utiliza essa passagem como forma de invadir as residências, principalmente porque a porta dos fundos está localizada, quase sempre, longe da rua. Por isso, não se esqueça de mantê-la iluminada e com a proteção de uma das suas câmeras de segurança.

    - Janelas do primeiro andar

    As janelas são outro ponto de atenção porque são muito visadas pelos criminosos para entrar nas casas. Por isso, as janelas mais “acessíveis”, ou seja, aquelas que fazem parte do primeiro andar da sua residência, são bons lugares para instalar as câmeras de segurança. Dê uma atenção especial para as janelas que estiverem localizadas nos fundos da casa.

    - Garagem e outras entradas

    É menos comum a entrada de criminosos por esses meios de acesso à residência, mas, ainda assim, eles também são utilizados. Portanto, também são lugares adequados para a instalação de câmeras de monitoramento.

    Além de contemplarem um ponto “frágil” da propriedade, outra vantagem de instalar câmeras de segurança na garagem e em outras entradas da casa é que elas facilitarão a checagem desses locais por imagens antes de você abrir o portão para entrar com o carro, por exemplo. Com isso você evita o assalto/roubo que se inicia no momento em que o morador entra na residência acionando o portão eletrônico.

    Escolha uma empresa de confiança para instalar as suas câmeras de segurança

    Khronos
    Khronos atende mais de 30 mil clientes
    (Foto: )

    Para que um sistema de segurança seja eficiente, é essencial, que as sejam colocadas em pontos estratégicos, nas áreas de circulação e em locais críticos. Normalmente os moradores já conhecem os lugares mais vulneráveis da casa, caso contrário é indicado solicitar o apoio de uma empresa como a Khronos, especializada em segurança patrimonial.

    Um profissional qualificado nessa área poderá auxiliá-lo na hora de escolher os melhores equipamentos e locais para instalar os dispositivos de segurança da sua casa. Além disso, por meio da contratação de uma empresa de segurança, é possível monitorar esses equipamentos de modo mais fácil e eficiente.

    A Khronos, empresa que está há 33 anos no mercado e presente nas principais cidades de Santa Catarina, oferece o sistema Khronos ao Vivo. Com essa ferramenta você pode acompanhar virtualmente todas as câmeras de segurança da sua casa, assim como as situadas na sua rua e no seu bairro.

    A Khronos consegue, por meio do Khronos ao Vivo, que cada usuário seja um colaborador do seu sistema de segurança. Afinal, é possível alertar a equipe da Khronos – e, claro, a polícia – se você perceber alguma movimentação estranha, mesmo que não seja em sua residência.

    Vale destacar que a qualidade dos equipamentos utilizados pela vigilância também interfere no aproveitamento das imagens. As opções mais modernas de câmeras vêm com luzes de LED e infravermelho e algumas oferecem até mesmo a opção de filmagem em Full HD (alta resolução).

    Por isso a importância de escolher uma empresa que investe e se preocupa com a qualidade dos equipamentos e materiais utilizados, que se recicla e que busca melhorar sempre. A Khronos é assim e, por isso, mantém com eficiência seus mais de 30 mil clientes.

    Para conhecer melhor as soluções da Khronos acesse o site da empresa e tire suas dúvidas com um especialista.

    ​Conteúdo patrocinado pela Khronos e produzido pelo Estúdio NSC Branded Content​

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas