nsc

publicidade

Reportagem Especial

Contorno Viário da Grande Florianópolis sofre uma década de atraso

Rodovia de 51 quilômetros para retirar 22 mil veículos pesados por dia da BR-101 tem conclusão prevista para 2022, 10 anos depois do prometido inicialmente

02/08/2019 - 11h10 - Atualizada em: 02/08/2019 - 17h03

Compartilhe

Por Mateus Boaventura
Foto aérea da construção do Contorno Viário Grande Florianópolis
Em Biguaçu, no trecho norte do contorno, obras estão em andamento

Contorno Viário da Grande Florianópolis. Uma rodovia para desviar o tráfego de longa distância da Região Metropolitana, que promete retirar 22 mil veículos pesados por dia da BR-101 entre Biguaçu e Palhoça, reduzindo os congestionamentos.

A principal obra de infraestrutura viária de Santa Catarina, uma das maiores do país, é extremamente complexa. São 51 km de pista dupla, 14 passagens superiores e seis inferiores, sete pontes duplas, seis trevos e quatro túneis duplos. Bilhões de reais em investimento e um atraso na entrega que, atualmente, seria de uma década.

Quando a sociedade catarinense terá enfim este marco no estímulo ao desenvolvimento?

Ouvimos representantes ligados aos setores da indústria e do transporte para entender o cenário, hoje, sem a obra.

E a concessionária, responsável pela execução, garante o prazo atual de entrega para dezembro de 2022?

Ouça a primeira parte da reportagem especial da CBN Diário:

Com edição de áudio de Cláudio Marrone.

Mapa do Contorno Viário
Mapa do Contorno Viário, com os locais dos túneis duplos que encareceram ainda mais a obra
(Foto: )

Deixe seu comentário:

publicidade