nsc

    Saúde

    Coronavírus: especialista detalha cuidados necessários para pacientes obesos

    Cirurgião do sistema digestivo chama atenção para o risco daqueles que tiverem doenças crônicas

    26/03/2020 - 20h33

    Compartilhe

    Kadu
    Por Kadu Reis
    Médico aborda cuidados em relação ao coronavírus para pacientes obesos
    Médico aborda cuidados em relação ao coronavírus para pacientes obesos
    (Foto: )

    Além dos grupos de risco citados com frequência como idosos e pessoas com doenças crônicas, pacientes obesos também precisam ter cuidados especiais com o coronavírus. A obesidade aumenta o risco de complicações com infecções, a exemplo da própria gripe comum. Conforme o médico Celso Luiz Empinotti, cirurgião do sistema digestivo, o principal alerta é para as pessoas que não controlam regularmente sua situação de saúde.

    > Em site especial, saiba tudo sobre o coronavírus

    — Os obesos em geral são pacientes que têm na sua saúde o aparecimento de doenças crônicas, sendo a principal a diabetes e também doenças cardíacas e respiratórias. Estes pacientes estão expostos a riscos de infecções como gripes comuns. Em relação ao coronavírus, os pacientes obesos portadores de doença crônica têm que se cuidar, estão expostos. Principalmente os que não cuidam bem de sua doença. Estão sujeitos a maior risco e devem se cuidar cumprindo as recomendações — afirma o médico.

    Ouça a entrevista com o médico Celso Luiz Empinotti:

    Outro grupo a ser observado é o das pessoas que fizeram operações de redução do estômago. O médico Celso Luiz Empinotti é especialista em cirurgias bariátricas com mais de 3.500 procedimentos realizados em 22 anos de experiência e aborda o tema. Ele recomenda atenção tanto dos que passaram pelo processo recentemente e também há mais tempo.

    — Quem fez cirurgia bariátrica melhorou sua condição de saúde, tem as doenças controladas. Entretanto, com um mau acompanhamento, podem ter problemas. Os recém-operados devem se cuidar pois estão em fase de baixa imunidade. Os pacientes operados a longo prazo que não acompanham cuidadosamente podem estar com algum grau de desnutrição e também estão sujeitos a terem problemas — pontua Empinotti.

    Os sintomas mais comuns da doença causada pelo coronavírus são febre, tosse, falta de ar e dores musculares. Crianças e jovens podem ter sintomas mais leves e até portarem a infecção de forma assintomática. Idosos e pessoas com doenças crônicas formam o principal grupo de risco a complicações por conta da covid-19.

    Saiba tudo sobre o coronavírus no NSC Total:

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas