nsc
    dc

    Saiba mais

    Coronavírus: especialista esclarece dúvidas dos leitores

    Infectologista responde dúvidas e orienta formas de prevenção do vírus

    13/03/2020 - 11h49 - Atualizada em: 13/03/2020 - 19h05

    Compartilhe

    Por Carolina Marasco
    Luiza
    Por Luiza Morfim
    Médico respondeu perguntas dos leitores
    Médico respondeu perguntas dos leitores
    (Foto: )

    A epidemia de coronavírus tem gerado diversas dúvidas entre a população. Após a confirmação de casos em Santa Catarina, pedimos para os leitores mandarem perguntas sobre o vírus para que o infectologista Antonio Miranda esclarecesse o tema.

    ​Site especial: saiba tudo sobre coronavírus

    O que é esse novo coronavírus?

    O novo coronavírus faz parte de um grupo de vírus bastante conhecido. Sempre foi um vírus bastante benigno, sempre com pouco risco. Durante a história desse vírus, duas epidemias já foram descritas. Muito rápidas, mas com bastante letalidade. No ano passado, ele reapareceu nesta nova fase, na China e em países da Ásia, causando uma nova doença respiratória. Na maioria das pessoas ela é benigna, uma doença simples, mas que tem uma característica muito importante nos pacientes idosos, que pode levar ao processo de pneumonia e pode levar os pacientes a óbito.

    E como se prevenir do novo coronavírus?

    A forma de prevenção não é diferente do que a prevenção das demais doenças respiratórias. Temos que fazer a higienização das mãos, larvar as mãos, diversas vezes ao dia, por no mínimo 20 segundos. Não tendo água e sabão, usar álcool gel a 70%, que é tão eficaz quanto à lavação das mãos. Tem também a etiqueta da tosse. Sempre que for tossir ou espirrar, fazê-lo no antebraço, nunca nas mãos. Porque você ao tossir ou espirrar nas mãos e ao depositar as mãos em algumas superfícies, você está depositando o vírus naquele local e outras pessoas pegam o vírus. Essa etiqueta da tosse é fundamental. Sempre que tiver que usar um lenço, no nariz ou nas vias aéreas, use um lenço descartável e jogue no lixo. Após esse processo, faça a lavação das mãos durante 20 segundos, isso também é fundamental. Outro aspecto é importante, ficar em um ambiente, sempre que possível, arejado, ventilado, ponde possa entrar os raios solares.

    Quanto tempo o vírus fica "vivo" nos ambientes? Lenço umedecido é suficiente para limpar as superfícies como banco de ônibus e maçanetas?

    O vírus fica vivo na superfície em torno de uma hora, mas depende muito da temperatura do ambiente. Com temperaturas frias ele fica por mais tempo, em ambientes quentes ele fica menos tempo. Por este motivo é importante manter os ambientes ventilados, arejados e se possível que o sol possa entrar. Em superfícies como mesas, portas e maçanetas a orientação é fazer uma limpeza constante com água e sabão ou com pano com álcool para retirar a secreção que pode estar acumulando o vírus. A limpeza das mãos, dos ambientes, dos locais, resolve de 80 a 90% das transmissões.

    As grávidas são um grupo de risco do coronavírus? O que fazer?

    Na epidemia H1N1 as grávidas eram um dos principais grupos de risco, levando até a morte. Não está claro ainda o risco do coronavírus em gestantes. O vírus é recente e os estudos ainda não apresentam uma conclusão para esses casos. É necessário aguardar mais um tempo para poder responder com certeza, mas até o momento não há confirmações de que grávidas sejam um dos grupos de risco do coronavírus. No entanto, como qualquer outra pessoa, os cuidados para não ser infectado devem ser tomados.

    Países com clima mais frio podem ter mais propagação e o calor pode evitar a proliferação?

    Na África, foram descritos pouquíssimos casos, é um continente muito quente. Qualquer vírus respiratório ele propaga menos no calor do que no frio. É bem provável que no Brasil, na região mais quente, nós teremos menos casos de coronavírus. E no Sul do Brasil, onde temos o clima mais frio, um inverno mais rigoroso, a doença vem com mais força. Como qualquer doença respiratória, é o que a gente espera.

    Confira o vídeo completo com o bate-papo e leia ainda as principais perguntas sobre o novo coronavírus:

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas