nsc
    dc

    Pademia

    Coronavírus: Papa concede benção especial ao mundo e reza sozinho no Vaticano 

    Papa Francisco dá bênção extraordinária de "Urbi et Orbi"

    27/03/2020 - 15h28 - Atualizada em: 27/03/2020 - 15h32

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação DC
    Coronavírus: Papa concede benção especial em praça do Vaticano vazia
    Coronavírus: Papa concede benção especial em praça do Vaticano vazia
    (Foto: )

    O Papa Francisco concedeu nesta sexta-feira (27) a bênção extraordinária de "Urbi et Orbi", dada normalmente apenas no Natal e na Páscoa. A benção “para a cidade a o mundo” foi concedida especialmente por conta da pandemia do coronavírus. Transmitida pelo Vaticano, o papa rezou sozinho na Praça São Pedro, sem nenhum fiel.

    ​> Em site especial, saiba tudo sobre coronavírus

    A decisão da benção Urbi et Orbi demonstra a preocupação da igreja católica com a pandemia do novo coronavírus em todo o mundo. Inclusive a Itália, país em que o Vaticano está inserido (o Vaticano é um estado independente). O país europeu contabilizou hoje mais 969 mortes por covid-19, o recorde em um dia no país que tem mais de 9.000 óbitos pela doença desde início da pandemia.

    Parte do Vaticano, a praça São pedro estava completamente vazia. Todos os limites do Vaticano foram fechados para tentar conter a proliferação do novo coronavírus. O Papa Francisco chamou atenção do mundo as injustiças.

    - Não ouvimos o grito dos pobres e do nosso planeta gravemente enfermo. "Avançamos, destemidos, pensando que continuaríamos sempre saudáveis num mundo doente. Agora nós, sentindo-nos em mar agitado, imploramos-Te: 'Acorda, Senhor!' - clamou.

    > Novos números: painel do coronavírus mostra evolução da doença em SC

    Os católicos - estimados em 1,3 bilhão - que recebem a benção Urbi et Orbi podem receber indulgência, que significa a remissão da punição pelos pecados.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas