nsc

publicidade

Sabor Catarina apresenta

Coxa, sobrecoxa e peito: saiba como desossar um frango inteiro

Bastante popular no país, os cortes da ave podem ser preparados de diversas maneiras 

02/12/2019 - 12h08

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Como desossar um frango inteiro já pronto
Como desossar um frango inteiro já pronto
(Foto: )

Saborear aquele frango dourado, cheiroso e macio saindo do forno é uma delícia. Mas muitas vezes ficamos perdidos sobre como começar a cortar. A verdade é que não importa se a ave ainda está crua ou já preparada, é bom que você saiba como desossar um frango inteiro.

Este pode ser o segredo de uma boa refeição, já que comer coxa, sobrecoxa e peito separadamente é essencial para certas pessoas.

Como desossar um frango inteiro quando ele ainda está cru

Desossar um frango inteiro cru é mais fácil do que aparenta. Você vai precisar de uma faca bem afiada e uma tábua limpa.

1 - Comece apoiando o frango inteiro na tábua, de barriga para baixo.

2 - Sinta a coluna da ave. Corte o frango de forma firme, descendo a faca sobre os ossos da coluna.

3 - Escolha um lado da caixa torácica e comece a cortar a carne rente aos ossos. Você vai trabalhar a faca por dentro da pele. Faça a volta na carcaça, descendo até a barriga.

4 - Solte a carcaça e retire pedaços de ossos que podem ter sobrado.

5 - Segure a coxa do lado que está sendo desossado primeiro e empurre o osso para fora. Corte o osso com cuidado, soltando a pele, até sair por completo.

6 - Repita o mesmo processo do outro lado do frango, lembrando de retirar todos os ossos que encontrar no caminho.

Como desossar um frango inteiro já pronto
Como desossar um frango inteiro já pronto
(Foto: )

Como desossar um frango inteiro já pronto

Para desossar um frango já preparado, você precisará de uma superfície firme, uma faca afiada e suas mãos limpas.

1 - Usando as mãos, puxe levemente as coxas e as asas para que desgrudem do corpo do frango.

2 - Com a faca, faça um corte de cima para baixo no peito do frango e vá separando a carne dos ossos. Faça isso de um lado e depois do outro. Procure cortar já separando a parte do peito, do pescoço, da sobrecoxa.

3 - Para desossar as asas e as coxas, faça um pequeno corte vertical em cada um e desprenda a carne do osso usando suas mãos.

Como utilizar cada corte do frango

• Pescoço: geralmente utilizado em sopas

• Filé de cavala: trata-se da carne que fica embaixo do peito, também chamada de lombo do frango. Como é considerada a carne mais magra do animal, é bastante usada em receitas fitness

• Asas: por seu formato prático, ela aparece principalmente em aperitivos e acompanhamentos. Versátil, pode ser feita na grelha, assada ou frita. Também pode ser ingrediente de sopas, além de fazer bonito em churrascos.

• Coxa: Uma das partes do frango mais adorada, a coxa pode ser feita na grelha, no forno, assada ou frita. Também pode ser servida empanada, ou usada em ensopados e desfiada.

• Sobrecoxa: Ela pode ser frita, grelhada, assada, empanada, desfiada e até recheada. Também é utilizada em ensopados.

• Peito: outra preferência nacional, é a parte do frango que contém mais carne. Com ele é possível retirar filés e ainda aproveitar sua carcaça em caldos. O peito de frango pode ser cozido, assado, frito, grelhado, desfiado e recheado. Combina com quase tudo: saladas, molhos, ensopados, massas e tortas.

• Dorso: essa é a parte oposta ao peito e possui pouca carne, mas muito sabor. Por isso é usada principalmente em caldos, sopas e molhos.

• Miúdos: o coração fica ótimo como aperitivo e pode ser assado, cozido ou grelhado. Também aparece em farofas, caldos e sopas. A moela é servida como aperitivo, mas precisa ser bem cozida pois é um pouco mais dura. Já o fígado geralmente é usado para fazer patês.

Dicas para temperar
Dicas para temperar
(Foto: )

Dicas para temperar o frango

Você pode temperar qualquer parte do frango para valorizar seu sabor, mas os mais usados ainda são a coxa, sobrecoxa e o peito. O importante é saber que você não precisa ficar apenas no sal e pimenta. Experimente novas sugestões de tempero:

1 – Alecrim: Em uma tigela, coloque uma colher (chá) de alecrim, meia xícara (chá) de azeite, suco de um limão, uma pitada de sal, um dente de alho amassado, meia cebola picada, uma pitada de orégano, uma pitada de pimenta do reino e um punhado de salsinha picada. Misture tudo e passe nos cortes de frango que você preferir. Em seguida é só grelhar.

2 – Curry: Em uma tigela coloque uma colher (chá) de curry, suco de três limões, três colheres (sopa) de azeite, quatro dentes de alho amassados e uma pitada de sal. Misture bem e adicione os cortes de frango. Deixe marinar por 20 minutos e em seguida prepare como preferir.

3 – Shoyu: Em uma tigela coloque uma xícara (chá) de molho shoyu, quatro dentes de alho amassados, uma pitada de gengibre ralado, uma pitada de açúcar e uma pitada de sal. Misture e passe nos cortes de frango da sua preferência. Deixe marinar por trinta minutos e leve para grelhar.

Confira mais dicas de como preparar deliciosas receitas com frango no Sabor Catarina

Deixe seu comentário:

publicidade