nsc

Infraestrutura

Crateras da SC-401, em Florianópolis, começam a ser consertadas

Trabalho emergencial está orçado em R$ 120 mil, de acordo com governo de SC

19/10/2021 - 08h53 - Atualizada em: 19/10/2021 - 09h26

Compartilhe

Juliana
Por Juliana Gomes
Reparos começam nesta manhã
Reparos começam nesta manhã
(Foto: )

Os reparos às crateras das margens da SC-401, em Florianópolis, no km 13, começaram nesta terça-feira (19), de acordo com a Secretaria de Estado de Infraestrutura.Depois de uma vistoria, a Defesa Civil do município apontou que a causa dos buracos está na drenagem da água da pista. O órgão alerta para o risco de uma adutora se romper ou vazar no local. 

> Entre no grupo e receba as notícias de Florianópolis e região

 Uma empresa foi contratada de forma emergencial pelo governo do Estado para o trabalho, orçado em R$ 120 mil. As atividades têm prazo de até 60 dias para serem concluídas. O problema foi denunciado à CBN Diário por moradores do bairro Santo Antônio de Lisboa na última quinta-feira (14). 

- Hoje (terça), a Casan está no local fazendo a proteção da adutora e amanhã (quarta), a empresa começa a refazer a drenagem. A rodovia não corre nenhum risco de desabamento. O sistema de drenagem, em função do volume de chuvas acabou causando o deslizamento - explicou Meira Marcusci Antunes, engenheira civil, coordenadora de infraestrutura na Grande Florianópolis

> Cratera na BR-282 causa transtornos a motoristas na Grande Florianópolis; veja fotos

Os técnicos da Defesa Civil verificaram na última sexta (15) e nessa segunda (18) que a água sobre a rodovia, direcionada para a área verde das laterais, está causando os buracos e deixando à mostra uma tubulação de água de 300 mm. 

Com esta adutora, são abastecidos moradores próximos à SC-401, nos bairros Açores, Sambaqui, Saco Grande, João Paulo, Monte Verde e Cacupé, segundo a Defesa Civil. 

Reparos começaram pela adutora
Reparos começaram pela adutora
(Foto: )

Embora em dezembro de 2020 tenha sido concluída uma obra na rodovia, a secretaria garante que o problema apontado pelos moradores decorre do desgaste da rede pluvial e não tem relação com a reforma recente.

A rodovia passou por uma reforma de R$31,5 milhões num trecho de 12km da SC-401, desde a saída do bairro Itacorubi, pela Rodovia Admar Gonzaga, em direção ao Norte da Ilha, até o primeiro acesso ao bairro João Paulo. O trabalho incluiu pavimentação, terraplanagem, drenagem e sinalização.

> Moradores de Florianópolis denunciam cratera às margens da SC-401

> Descoberta causa das crateras na SC-401, em Florianópolis; veja imagens

> Pneu solta de caminhão e atinge motociclista em movimento em Florianópolis

Colunistas