publicidade

Esportes
Navegue por

Deu elas!

Cristiane brilha e comanda goleada do Brasil na estreia da Copa do Mundo feminina

Sem Marta, atacante marcou três gols diante da Jamaica

09/06/2019 - 12h39 - Atualizada em: 09/06/2019 - 15h15

Compartilhe

Por GaúchaZH
Cristiane marcou os três gols do Brasil em estreia da Copa do Mundo
Cristiane marcou os três gols do Brasil em estreia da Copa do Mundo
(Foto: )

O Brasil nem precisou contar com Marta para vencer na estreia da Copa do Mundo feminina na manhã deste domingo (9). Sem a camisa 10, Cristiane assumiu o protagonismo do time e marcou os três gols da goleada de 3 a 0 sobre a Jamaica, em Grenoble, pela primeira rodada do Grupo C.

Com a vitória, a Seleção Brasileira quebrou uma sequência de nove derrotas, sofridas durante o período de preparação para o Mundial. O resultado também serviu para o Brasil manter o histórico positivo em estreias da Copa do Mundo. Desde 1991, as brasileiras sempre venceram em seu primeiro jogo na competição.

Após a primeira rodada, o Brasil lidera o Grupo C, com os mesmos três pontos da Itália, mas com vantagem no saldo de gols — três contra um. Austrália e Jamaica aparecem com zero. A Seleção Brasileira volta a campo na quinta-feira, às 13h, para enfrentar a Austrália. Na sexta-feira, também às 13h, a Jamaica encara a Itália.

Como foi o jogo

O Brasil teve a primeira grande oportunidade de gol logo aos sete minutos. Debinha foi lançada às costas da zaga, avançou e tentou driblar a goleira Schneider, que conseguiu cortar parcialmente. A bola ainda sobrou para Debinha, que chutou, mas a arqueira jamaicana fez a defesa.

A pressão brasileira surtiu efeito aos 15 minutos. Após cobrança de lateral, Andressa Alves cruzou na medida para Cristiane. A atacante brasileira, de cabeça, mandou no canto. Dessa vez, Schneider não pôde fazer nada: 1 a 0 para o Brasil.

O gol não diminuiu o ímpeto do Brasil, que teve nova chance com Debinha, aos 24. Ela invadiu a área pelo lado esquerdo e bateu, mas Schneider fechou bem e fez a defesa.

A Jamaica foi levar perigo ao gol do Brasil apenas aos 29 minutos. Shaw arriscou um chute de fora da área e Bárbara defendeu, mandando a bola para escanteio. Na sequência, aos 35, a goleira brasileira falhou ao soltar uma bola nos pés de Shaw, mas se recuperou a tempo para fazer a defesa e manter a Seleção em vantagem. Foram os dois únicos momentos de perigo contra a Seleção Brasileira na primeira etapa.

Melhor na partida, o Brasil ainda desperdiçou um pênalti antes do intervalo. Aos 36, o cruzamento de Debinha bateu no braço de Allyson Swaby. A árbitra alemã Riem Hussein demorou um pouco, mas marcou a penalidade. Andressa Alves foi a responsável pela cobrança. Ela bateu no canto, e Schneider fez a defesa.

Segundo tempo

Se no primeiro tempo o Brasil acumulou chances e marcou apenas um gol, na etapa final a Seleção foi mais efetiva. Em apenas 18 minutos, Cristiane balançou as redes duas vezes e garantiu a vitória brasileira.

Cristiane voltou com fome do intervalo. Aos três, ela recebeu dentro da área e chutou de esquerda procurando o ângulo. A bola subiu demais e acabou se perdendo pela linha de fundo. Logo depois, ela não perdeu. Aos 4, Andressa Alves cruzou e Cristiane apareceu de carrinho para empurrar para o gol, 2 a 0.

Mas o gol mais bonito de Cristiane ainda estava por vir. Aos 18, o Brasil teve uma falta na entrada da área sofrida por Debinha. Cristiane assumiu a responsabilidade e foi certeira. Ela cobrou a falta com perfeição. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar, 3 a 0.

Logo após o terceiro gol, o técnico Vadão optou por poupar a artilheira Cristiane, que saiu para a entrada de Ludmila. Outra mudança no Brasil foi a entrada de Geyse no lugar de Bia.

O placar deixou a Jamaica sem reação. O Brasil ainda teve chances de aumentar o placar com Debinha e Ludmila, que pararam em defesas de Schneider. Ludmila teve outra oportunidade com gol vazio em cruzamento de Geyse, aos 34, mas mandou para fora.

O placar estava mesmo definido com 3 a 0 e o show de Cristiane.

COPA DO MUNDO FEMININA– Grupo C – 9/6/2019

BRASIL (3)

Bárbada; Letícia, Kalhellen (Daiane), Mônica e Tamires; Thaisa, Formiga, Andressa Alves e Debinha; Bia Zaneratto (Geyse) e Cristiane (Ludmila).

Técnico: Vadão

JAMAICA (0)

Schneider; Bond-Flasza, Plummer, Allyson Swaby e Blackwood; Matthews (Jody Brown), Solaun (Asher), Chantelle Swaby, Sweatman e Carter (Cameron); Shaw.

Técnico: Hue Menzies.

GOLS: Cristiane (B), aos 15 do primeiro tempo; Cristiane (B), aos 4 e aos 18 do segundo tempo.

ARBITRAGEM: Riem Hussein (Alemanha).

LOCAL: Arena Desportiva, em Grenoble, na França.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação