nsc

publicidade

Trânsito 

Em cinco horas, 110 motoristas são flagrados alcoolizados na BR-101 em SC  

Operação foi realizada pela PRF nesta madrugada em Joinville e em São José  

24/08/2019 - 15h16 - Atualizada em: 24/08/2019 - 16h19

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Durante esta madrugada, 51 casos foram registrados em Joinville e 59 em São José
(Foto: )

A operação realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no fim da noite de sexta-feira (23) e início de sábado (24) flagrou 110 motoristas alcoolizados na principal rodovia de Santa Catarina. A operação teve início às 22h e terminou às 3h. Na BR-101, trecho de Joinville, 51 casos foram registrados. E no trecho de São José, na Grande Florianópolis, outros 59. Cerca de 40 agentes foram envolvidos na ação.

Segundo informações da PRF, do número total, ao menos seis pessoas precisaram ser levadas à delegacia por terem apresentado o nível de embriaguez acima do índice criminal, quando a concentração é igual ou superior a 0,3 miligramas de álcool por litro de ar ou de 0,6 g/L no sangue. Desses, três em Joinville e três em São José.

Além disso, a PRF destacou que outras situações também foram registradas durante a ação. Só em Joinville, mais de 40 pessoas foram autuadas por infrações como documentos vencidos e veículos não licenciados.

Ainda de acordo com a PRF, Santa Catarina é o Estado com o maior número de autuações por embriaguez no Brasil. Só no primeiro semestre foram registrados mais de 2,9 mil casos; mil casos a mais do que o marcado pelo Rio Grande do Sul no primeiro semestre, que é o segundo estado com mais flagrantes. No ano passado, SC teve mais de 4,2 mil registros.

— Esse número elevado não se dá pelo fato de as pessoas beberem mais ou menos do que em outros Estados, mas sim porque há mais fiscalização — reforça o chefe de comunicação da PRF, Luiz Graziano.

Outras operações realizadas no Estado

Caminhoneiro é flagrado bêbado em Barra Velha
Caminhoneiro é flagrado alcoolizado em Barra Velha
(Foto: )

Conforme a PRF, a Operação Lei Seca é realizada regularmente no estado e, neste fim de semana, outras rodovias também tiveram flagrantes. Entre os casos em destaque, um caminhoneiro foi flagrado embriagado na BR-101, no trecho de Barra Velha, após uma denúncia anônima. Ele não obedeceu à ordem dos policiais e fugiu do local.

Após a perseguição da polícia, o motorista fez o teste para medir o nível de álcool no sangue, que deu positivo. Ele foi multado e teve o veículo retido.

No Vale do Itajaí, outro caminhoneiro foi multado e também teve o veículo retido. A ocorrência foi na BR-470, em Apiúna, durante a madrugada de sábado (24).

— Esses casos que envolvem caminhoneiros são ainda mais graves, visto que os veículos são maiores e mais pesados. Se um caminhão atinge um carro com uma família dentro, o risco de morte é muito maior — considera Graziano.

De acordo com Graziano, o estado tem registrado uma média de 100 autuações de embriaguez por semana.

— Temos percebido como esses números têm aumentado assustadoramente também durante a semana, e não apenas aos fins de semana, como era há alguns anos — pontua.

O que diz o CTB

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê o valor de $ 293,47 para a multa gravíssima, mas a Lei Seca multiplica esse valor por 10, chegando a R$ 2.934,70.

O motorista também pode ter a CNH recolhida e responde a um processo administrativo que leva a suspensão do direito de dirigir por 12 meses - depois de todos os recursos possíveis.

O veículo também é retido até que outro condutor habilitado se apresente. Em caso de reincidência da infração dentro de um ano, a multa é dobrada para R$ 5.869,40, e a CNH pode ser cassada.

A prisão por embriaguez ao volante só ocorre caso a pessoa possua concentração igual ou superior a 0,3 mg de álcool por litro de ar ou de 0,6 g/L no sangue. Condutor pode ser multado pelo artigo 165 e também enquadrado em crime de trânsito (artigo 306).

Leia as últimas notícias no NSC Total

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

Deixe seu comentário:

publicidade