nsc
    nsc

    Sebrae Acelera Negócios

    Empresa familiar aumenta faturamento em 37% após rever estratégia de gestão 

    Programa de Gestão Avançada ajuda empresários a modernizar a gestão dos negócios, implementando um modelo de gestão baseado em indicadores 

    29/10/2020 - 08h04 - Atualizada em: 11/11/2020 - 08h20

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Empresa familiar aumenta faturamento em 37% após rever estratégia de gestão
    (Foto: )

    A correria do dia a dia, o desconhecimento sobre a importância de se construir um planejamento estratégico ou a crença de que são necessários altos investimentos de recursos humanos e/ou de capital para iniciar um planejamento são alguns dos principais motivos que detêm o crescimento das pequenas empresas.

    Para ajudar as empresas resolverem os entraves que limitam seu crescimento e mostrar aos gestores como iniciar um planejamento estratégico, com a criação de indicadores que permitam mensurar o cumprimento das metas, e aplicar as estratégias no dia a dia, contando com o engajamento dos funcionários, o Sebrae criou o Programa de Gestão Avançada (PGA).

    Nas empresas catarinenses que participaram do PGA, houve um aumento de 13,9% nas vendas realizadas; 50,5% mais giro de estoque; e um incremento de 45,9% nos lucros. Entre elas, a Abilar Indústria de Esquadrias LTDA, de Rio do Sul, teve uma redução de 40% na rotatividade dos funcionários, o que permitiu mais investimentos em capacitação, gerando 5% a mais no faturamento anual e 40% de aumento na lucratividade.

    A empresa VS Tecnoválvulas, de Tubarão, tinha como desafio criar um novo modelo de gestão mais alinhado com as necessidades do mercado.

    – Nosso grande desafio era a análise de mercado e a modernização do negócio. Como a maioria das empresas familiares, o fundador criou um modelo de processo, que acaba sendo continuado pelos filhos, muitas vezes com foco na parte técnica, esquecendo da parte administrativa – constata Ana Paula S. Serafim, gerente administrativo da VS Tecnoválvulas.

    Com o PGA, Ana Paula conseguiu repensar os indicadores da empresa e criar estratégias que reduziram em 13,65% a inadimplência, ampliaram as vendas em 20% e, por consequência, aumentaram em 37,8% o faturamento.

    Já na Volpato Soluções Gráficas, de Joinville, o que atravancava o crescimento era, principalmente, a dificuldade de se descentralizar as decisões. Com a ajuda do Sebrae, os gestores passaram a delegar melhor as funções, e a empresa aumentou em 11,2% sua lucratividade.

    – A partir do programa ficou bem claro para os diretores que a função da diretoria é estratégica, de planejamento, de pensar o negócio. Com isso, foi possível iniciar um processo de delegação e descentralização das decisões. Repensamos a nossa equipe e o nosso negócio, e começamos a delegar a outras pessoas àquelas decisões que dependiam da diretoria. Depois disso, conseguimos nos dedicar muito mais ao negócio alavancando soluções e o crescimento da empresa – observa Marcos Roberto Volpato, diretor administrativo e financeiro da Volpato Soluções Gráficas.

    Ferramentas inovadoras para a gestão dos negócios

    O planejamento estratégico permite que o empreendedor tenha um olhar mais amplo sobre todos os processos de sua empresa, e isso é conquistado a partir da gestão de indicadores, que permitem antever problemas e pensar em soluções antes que as adversidades se instalem. Agir preventivamente, mantendo o foco nas metas e nos objetivos pré-determinados, é muito mais efetivo para o crescimento de uma empresa.

    O Sebrae criou o Programa de Gestão Avançada (PGA) para ajudar a tirar pequenas empresas da estagnação e ajudá-las a retomar o crescimento de forma consciente e consistente, com planejamento e gestão estratégicos, para que alcancem resultados em curto, médio e longo prazo.

    – O PGA é programa mais avançado do Sebrae, específico para empresas de pequeno porte. O PGA é totalmente baseado em gestão avançada de indicadores, para empresas que estão estagnadas e não conseguem mais crescer, por não enxergarem possibilidades. O Programa traz novos indicadores para as áreas abordadas, que são: recursos humanos, marketing e vendas, processos, e gestão financeira. A ideia é trabalhar essas áreas, trazendo novos indicadores confiáveis. Com a análise desses indicadores, os gestores conseguem tomar decisões para alavancar os resultados da empresa, explica Tatiane Mendes Carvalho, analista técnica do Sebrae/SC.

    O programa foi elaborado por especialistas do Sebrae, que também acompanham sua aplicação nas empresas, ajudando a definir as estratégias para cada negócio e permitindo que os empresários possam manter o planejamento após a conclusão do Programa. Ele tem duração de 211 horas, sendo 8 horas de encontros coletivos; 127 de consultoria individual na empresa; e 76 horas de capacitação. Em cada empresa, um especialista em gestão acompanha, pessoalmente, cada etapa, a fim de garantir a integração entre todas as áreas.

    – O PGA é equivalente a um MBA Empresarial, mas focado para uma empresa específica. Tem duração entre 14 e 16 meses – como uma pós-graduação profissional. Durante esse período, a empresa conta com a consultoria e assessoria de quatro profissionais do Sebrae, altamente especializados, atuando dentro da empresa, em cada uma das quatro áreas trabalhadas.

    Além desses quatro profissionais, as empresas que participam do PGA têm um “consultor-padrinho”, responsável por trabalhar a sinergia dos processos e por auxiliar os processos, acompanhando do começo ao fim do Programa, a fim de garantir os melhores resultados e permitir que a empresa consiga, após o fim desse período, evoluir sozinha, criando seus próprios indicadores e estratégias de crescimento, afirma Tatiane.

    O Programa de Gestão Avançada do Sebrae é realizado em quatro etapas:

    Fase 0: Seleção | Diagnóstico Empresarial Preliminar – São avaliadas as práticas de gestão da empresa;

    Fase 1: Plano Empresarial – Na qual são definidas as estratégias que farão parte do plano empresarial;

    Fase 2: Gestão de Resultados – Em que se pauta a gestão de finanças, marketing, operações, processos e gestão de pessoas;

    Fase 3: Novo Ciclo – Traz a consolidação dos resultados, revisão estratégica e do novo plano empresarial.

    Ao concluírem o Programa de Gestão Avançada, os empreendedores devem estar aptos tomarem decisões mais precisas, valendo-se do planejamento estratégico e do estabelecimento de indicadores e metas seus negócios. O PGA permite que os gestores possam direcionar o crescimento das empresas com segurança, a partir da pesquisa e do conhecimento.

    Para saber mais e inscrever sua empresa no PGA, acesse o site.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas