nsc
    dc

    Investigação

    Empresas faziam acordo para fraudar licitações de prefeituras no Oeste de SC, diz polícia

    Operação "NL2" foi deflagrada pela Polícia Civil nesta terça-feira (6) e mirou possíveis fraudes no fornecimento de nitrogênio líquido

    06/04/2021 - 13h29

    Compartilhe

    Lucas
    Por Lucas Paraizo
    Estoque de nitrogênio líquido
    Nitrogênio líquido era fornecido às prefeituras da região
    (Foto: )

    A Polícia Civil cumpriu nesta terça-feira (6) cinco mandados de busca e apreensão em uma investigação de possíveis fraudes em licitações de prefeituras no Oeste de Santa Catarina. A ação da 5ª Delegacia de Polícia Especializada no Combate à Corrupção (DECOR) ocorreu nas cidades de Xanxerê, Águas Frias e Bom Jesus.

    > Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

    De acordo com o delegado Bruno Lelis, a investigação apontou a existência de acordos prévios entre empresas da região que forneciam nitrogênio líquido (NL2) a prefeituras. Conforme o delegado, os empresários estariam fazendo acordos para combinar propostas e decidir quem seria o vencedor de cada pregão, o que caracteriza o crime de fraude em licitação.

    O nitrogênio líquido é utilizado na agropecuária, no processo de inseminação artifical de bovinos. A sigla NL2 foi utilizada pela polícia para batizar a operação deflagrada nesta terça, que é resultado de pelo menos 10 meses de investigação.

    A operação envolveu agentes das Delegacias de Polícia de Águas Frias, Bom Jesus, DIC Chapecó, Delegacia de Roubos e Furtos de Chapecó, 1ª e 3ª Delegacias de Polícia de Fronteira de Chapecó e 12ª Delegacia Regional de Chapecó. A investigação continua em andamento.

    Leia também

    Criança de 1 ano e 11 meses morre após sofrer choque elétrico em Descanso, no Oeste de SC

    Farra do boi em SC: ocorrências têm queda de 89% na Páscoa

    Colunistas