nsc

    SICOOB Apresenta

    Empréstimo mais barato? Procure as cooperativas financeiras  

    10/03/2020 - 08h42 - Atualizada em: 10/03/2020 - 10h13

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Empréstimo mais barato? Procure as cooperativas financeiras
    (Foto: )

    Você já ouviu falar das cooperativas de crédito? Também chamadas de cooperativas financeiras, essas instituições são opções aos bancos comuns. Os produtos e serviços financeiros oferecidos são os mesmos (contas, cartões, aplicações, pagamentos, recebimentos, investimentos, etc.). Mas em uma cooperativa, não há clientes e, sim, associados. Portanto, é possível ter acesso a diversas vantagens.

    Não é à toa que já existem mais de 1.150 cooperativas financeiras em todo o Brasil. Somadas, elas já são a sexta maior instituição financeira do país. E têm sido cada vez mais procuradas, principalmente, pelos baixos juros que oferecem.

    Que tipos de crédito e empréstimo uma cooperativa oferece?

    Os mais diversos. Em geral, as cooperativas financeiras oferecem os mesmos serviços e produtos que um banco. Assim, as modalidades de empréstimos variam desde o crédito consignado e pessoal até microcrédito e financiamentos, além de seguros, consórcios e previdência privada.

    Só que cooperativas podem oferecer um atendimento mais personalizado.

    Então, seja para reformar a casa, investir nos estudos, quitar dívidas, adquirir máquinas e equipamentos para seu negócio, comprar um carro ou fazer a viagem dos seus sonhos, certamente é possível encontrar uma linha de crédito adequada em uma cooperativa financeira.

    Empréstimos em cooperativas podem sair mais rápido do que em bancos comuns?

    Em geral, sim. Devido à estrutura mais simplificada, o processo pode ser menos complicado em uma cooperativa de crédito do que em um banco. Além disso, com a crise mundial, muitos bancos de varejo têm se delongado mais na autorização de empréstimos, o que não tem ocorrido nas cooperativas.

    Por que cooperativas conseguem emprestar dinheiro com taxas menores?

    O principal motivo é que cooperativas não visam lucro. Portanto, podem cobrar menos por todos os seus produtos e serviços (e se mesmo assim houver sobras, elas são repartidas entre todos os associados).

    Como conseguir um empréstimo em uma cooperativa?

    Basta ser associado. Afinal, uma cooperativa não possui clientes, mas sim, sócios.

    Então, você precisa adquirir pelo menos uma cota-parte (uma taxa mínima para associar-se). Mas, a partir daí, possui os mesmos poderes que todos os demais associados. Inclusive, tem poder de voto e acesso às linhas de crédito e a todos os outros produtos e serviços disponíveis (conforme normas do Banco Central, o crédito é sujeito à análise e aprovação).

    Quais as vantagens de ser associado de uma cooperativa financeira?

    São muitas, vamos enumerar algumas delas.

    1 – Serviços financeiros com taxas muito menores.

    As cooperativas financeiras (ou cooperativas de crédito) oferecem os mesmos serviços que os bancos – conta corrente, cartões de crédito e débito, poupanças e outras aplicações, linhas de crédito, etc.

    Mas cooperativas são instituições sem fins lucrativos, portanto – baseadas apenas em seus custos e necessidades de reinvestimento – cobram taxas e juros menores do que a média dos bancos, o que significa uma boa economia no bolso do cooperado.

    2 – Você é dono. Você opina.

    Numa cooperativa financeira, você não é apenas um cliente. É um dos donos. Pode votar e ser votado. Você participa de todas as decisões, da política operacional à precificação. A gestão é democrática e transparente.

    3 – Você recebe uma parte dos resultados.

    Mesmo com taxas menores e produtos e serviços mais baratos, ao final do ano, as sobras (resultados financeiros da cooperativa) são distribuídas aos associados, conforme suas respectivas participações na utilização dos produtos e serviços da cooperativa.

    4 – Remuneração maior.

    Como a estrutura de custos de uma cooperativa costuma ser mais enxuta, a aplicação de recursos sob a modalidade de dispositivos a prazo pode gerar uma remuneração maior do que a oferecida pelos bancos locais.

    5 – Crédito sob medida.

    Além de oferecer acesso a financiamentos de investimentos fixos (Finame, BNDES Automático) e aos recursos subsidiários do crédito rural (Pronaf, Funcafé, etc), as cooperativas financeiras também disponibilizam linhas de crédito adequadas às condições de seus associados (valor, carência, amortização, etc). E ainda é possível fazer a antecipação de recebíveis (cheques pré-datados do comércio, duplicatas e notas promissórias); muito útil para empresários e empreendedores.

    6 – Sua comunidade também sai ganhando.

    As cooperativas retêm os recursos financeiros na sua área de atuação (cidade, comunidade). Assim, favorecem a democratização do crédito e a desconcentração de renda, promovendo uma verdadeira irrigação da economia local e beneficiando a comunidade. Por ser um modelo de negócios que muda o mundo, o cooperativismo foi até homenageado pela ONU em 2012.

    Em resumo: sendo sócio, você pode participar de todas as decisões administrativas da cooperativa, com poder de voto igual ao de todos os associados, sem distinções. Além disso, você tem acesso a todos os produtos e serviços financeiros, com taxas bem menores do que as cobradas por bancos comuns. E, por não visar lucro, cooperativas também podem oferecer retornos melhores para investimentos. Sem falar nas sobras, que, a cada ano, são distribuídas entre todos os associados conforme a participação de cada um.

    O Sicoob, maior sistema de cooperativas de crédito do Brasil, presente em 90% dos municípios catarinenses, possui um blog onde você pode conhecer mais sobre cooperativismo de crédito e educação financeira, com boas dicas para o seu dia a dia.

    Confira em www.oseudinheirovalemais.com.br

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas