nsc
    an

    SantaCred

    Empréstimo pessoal: como evitar cair em fraudes e pegar dinheiro de forma segura

    Veja algumas dicas de como manter seus dados em segurança e não cair em golpe ao pedir empréstimo pessoal

    15/10/2020 - 14h10

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Alguns golpes surgem na medida em que são criadas novas categorias de empréstimos e auxílios governamentais
    Alguns golpes surgem na medida em que são criadas novas categorias de empréstimos e auxílios governamentais
    (Foto: )

    De maneira bem resumida, fraude é um crime praticado por uma pessoa que busca tirar vantagem sobre a vítima, ou seja, que engana alguém ou alguma instituição a fim de obter ganho financeiro. Falsificar documentos de pessoas físicas ou de empresas, passar-se por outra pessoa ou falar em nome de terceiros para oferecer algo que não existe em troca de dinheiro são alguns exemplos de fraude.

    Muitas pessoas se tornam vítimas de fraudes financeiras por acreditarem em ofertas milagrosas, como empréstimos a juros extremamente baixos, impossíveis de serem praticados por empresas reais. Quem é vítima de uma fraude, além dos danos materiais, pode sofrer danos morais e de imagem.

    Um problema frequente

    Pode parecer estranho falar em tendência quando o assunto é fraude, mas a verdade é que alguns golpes surgem na medida em que são criadas novas categorias de empréstimos e auxílios governamentais.

    Por exemplo, em 2020, em função da pandemia causada pelo novo coronavírus, o governo federal criou o Auxílio Emergencial para atender a pessoas de baixa renda. Logo nos primeiros meses, surgiram inúmeras denúncias de fraudes no sistema de cadastro do Auxílio Emergencial: pessoas que não teriam direito a esse benefício falsificaram documentos e dados para solicitar o recebimento das parcelas.

    Neste ano houve, ainda, o crescimento de quadrilhas especializadas em interceptar transações online e trocar os boletos de cobrança originais por falsos, fazendo com que o dinheiro pago pela vítima seja depositado na conta do fraudador.

    Fraudes em empréstimos pessoais

    Já as fraudes em empréstimos pessoais, os bandidos costumam atingir pessoas que desejam obter crédito em instituições financeiras. Esse golpe costuma acontecer quando os criminosos solicitam que a vítima realize um depósito antecipado em troca da liberação do crédito solicitado. Obviamente, a vítima jamais receberá esse dinheiro.

    Por exemplo: quando uma pessoa pede à falsa empresa um empréstimo de R$ 10 mil, os bandidos solicitam que ela deposite mil reais em uma conta, com a promessa de que os 10 mil serão liberados na sequência. Obviamente, não há esses 10 mil, e a vítima perdeu o dinheiro que depositou.

    Golpe da consultoria de crédito: um problema crescente

    O golpe da consultoria de crédito cresceu cerca de 200% em 2019, segundo o site Reclame Aqui. Nesse golpe, o fraudador se passa por uma consultoria de crédito, como se fosse para verificar os dados a fim de realizar uma oferta de empréstimo. O contato é feito, em geral, por WhatsApp, ligação telefônica ou e-mail. O bandido solicita dados de documentos, como RG, CPF, que serão utilizados para que ele consiga um empréstimo legal no nome da vítima. Esse empréstimo jamais será pago pelo fraudador, e a vítima acaba arcando com a dívida para não sujar seu nome.

    Para não ser vítima da fraude do empréstimo pessoal nem da consultoria de crédito, é preciso desconfiar de ofertas fantasiosas, sem juros ou com condições muito diferentes das praticadas no mercado, além de nunca realizar pagamento antecipado. A cobrança de taxas para liberação de crédito é uma prática ilegal.

    É recomendado que todas as vítimas dessa fraude registrem um boletim de ocorrência
    É recomendado que todas as vítimas dessa fraude registrem um boletim de ocorrência
    (Foto: )

    Caí no golpe da consultoria de crédito. E agora?

    Ser vítima de fraude financeira é algo que pode acontecer a qualquer pessoa que precise do serviço de empréstimo, e os casos são tão comuns que a Polícia Federal tem investigando com afinco cada ocorrência registrada. Desde fevereiro deste ano a Polícia Federal vem desfazendo inúmeros esquemas de bancos piratas e falsas consultorias de crédito.

    Por isso, é recomendado que todas as vítimas dessa fraude registrem um boletim de ocorrência e que forneçam o máximo de informações possível, como número de telefone, prints de mensagens trocadas por e-mail, WhatsApp ou outro meio. Essas informações servem como prova e facilitam a investigação.

    Como se proteger de fraudes financeiras

    O primeiro passo para não levar golpe é conhecer a empresa com a qual pretende negociar. Para isso, vale pesquisar em sites de reclamação de usuários, buscar saber se a empresa responde a processos ou se há denúncias de fraude contra ela.

    Pedir indicação a amigos ou pessoas de confiança também ajuda a conhecer a reputação da empresa.

    Não ter receio de fazer perguntas sobre o modo de atuação, o tempo e mercado, nem de pedir documentos que comprovem a existência da empresa. Por exemplo, é possível pesquisar no site da Receita Federal o número do CNPJ para saber se, de fato, a empresa existe e se ela está autorizada a realizar empréstimos financeiros.

    Além disso, estes passos são fundamentais para evitar riscos ao realizar um empréstimo pessoal:

    Entender que segurança nunca é demais: isso significa não compartilhar informações pessoais e cópias ou fotos de documentos com terceiros, jamais passar senhas de banco ou de aplicativos por telefone ou por mensagem de texto; ter cuidado ao divulgar o número do CPF ao realizar cessão de crédito com terceiros; nunca realizar pagamento antecipado de taxas, pois essa cobrança é ilegal; desconfiar de ofertas de empréstimo via WhatsApp ou feita por consultorias de crédito; somente fechar negócio após ter certeza de que a empresa é confiável e não responde a nenhum processo por fraude.

    A SantaCred tem como missão democratizar o acesso ao crédito seguro, oferecendo à população catarinense soluções financeiras de forma ágil, prática e sem burocracia. Todo o procedimento de empréstimo financeiro pessoal da SantaCred acontece de forma digital, pelo site oficial da empresa, a partir de um sistema totalmente seguro. Cada cliente possui um dashboard, isto é, um painel único – individualizado –, no qual pode acessar detalhadamente dados do seu empréstimo, assim, tem mais autonomia para administrá-lo com facilidade e segurança.

    Para mais informações, acesse o site da SantaCred.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas