nsc
    nsc

    Pop In

    Episódio do Pop In mergulha na era dos “amores líquidos”

    Inspirado na teoria de Zigmunt Bauman, o programa dessa semana apresenta diferentes definições do que é o amor

    30/11/2020 - 16h46 - Atualizada em: 03/12/2020 - 14h48

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    popin
    (Foto: )

    De acordo com o dicionário etimológico, a palavra amor, que no português manteve a mesma grafia do latim, tem sua origem indefinida. Enquanto alguns estudiosos defendem a ideia de que ela está ligada a palavras como mater, que significa mãe, ou amita, que quer dizer tia, outros autores afirmam que na raiz do verbo amar, está impresso o sentido de plantar ou semear, fazendo alusão à união íntima entre homem e mulher.

    E se a origem da palavra amor segue sendo controversa, definir o que esse sentimento significa é ainda mais complexo. Pensando nisso, o segundo episódio do Pop In, apresentado por Duda Laurentino e com direção de Jean Smekatz, traz um novo debate importante: afinal, qual é a fórmula do amor?

    Em um mundo cada vez mais conectado virtualmente e desligado de vínculos reais, a construção do amor sólido, gentil e feliz parece cada vez mais distante. Talvez essa idealização, de fato, não tenha passado de uma construção social, de um delírio coletivo ou apenas projeção. Com a transição de gerações e a evolução da sociedade, esse conceito também foi ressignificado, resultando em pessoas cada vez mais exigentes ou menos pacientes para construir relações duradouras.

    Duda Laurentino provoca reflexões a respeito da necessidade crescente de encaixar alguém em um padrão de par ou relação ideal. Embora seja fundamental estar próximo de alguém que se tenha afinidade e química, a lista de exigências parece cada vez maior, principalmente nas redes sociais, onde é possível encontrar um “cardápio humano”. E foi tecendo paralelos sobre a definição do que é amor a partir da percepção de antigos pensadores, como Platão, que apresenta o amor Eros, ligado em essência à ideia do desejo e da atração, ou de Aristóteles, que associa o sentimento de amor à felicidade, no conceito de amor Filos, que ficou evidente a volatilidade desse sentimento na atualidade.

    Inspirado na teoria de Zigmunt Bauman, sobre “amores líquidos”, o Pop In mergulha fundo no conceito do que é amor. Então pare o que estiver fazendo e assista o novo episódio agora mesmo!

    Acompanhe o POP IN no NSC Total

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Especiais Publicitários

    Colunistas