nsc

    Futebol

    FCF suspende Marcílio Dias x Chapecoense por irregularidade no Hercílio Luz; entenda

    Federação Catarinense de Futebol identifica jogador fora de condição no time hercilista, que vai a julgamento

    29/04/2021 - 21h01

    Compartilhe

    Kadu
    Por Kadu Reis
    Sede da Federação Catarinense de Futebol (FCF), em Balneário Camboriú, Santa Catarina
    Federação Catarinense de Futebol (FCF) comunica irregularidade com jogador do Hercílio Luz
    (Foto: )

    A Federação Catarinense de Futebol (FCF) anunciou na noite desta quinta-feira (29) a suspensão do jogo de ida entre Marcílio Dias e Chapecoense pela semifinal do Campeonato Catarinense. O motivo é uma irregularidade no Hercílio Luz, que será julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-SC). Em caso de punição ao time do Sul do Estado, o Figueirense pode retornar ao campeonato.

    > Quatro em Campo entrevista procurador da FCF sobre suspensão de jogo da semifinal do Catarinense

    — A FCF tomou conhecimento que o Hercílio teria um atleta irregular no jogo contra o Brusque. Comunicamos a Justiça, que ofereceu denuncia contra o Hercílio. O que pode ocorrer é o Hercílio perder três pontos, o que alteraria a classificação da primeira fase, e mudaria o jogo de quartas de final. Seria Figueirense contra a Chapecoense — pontuou o procurador jurídico da FCF, Rodrigo Capela, em entrevista ao Quatro em Campo.

    > Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

    O Tribunal de Justiça Desportiva irá julgar o Hercílio Luz na próxima terça-feira (3), às 19h. A denúncia da Federação Catarinense de Futebol aponta irregularidade na atuação do jogador hercilista Alisson, na nona rodada, em derrota contra o Brusque. A possível punição é de três pontos, o que faria o time perder duas posições, uma delas para o Figueirense, que teria direito à participação nas quartas de final.

    > Figueirense anuncia cinco saídas e inicia reformulação para a Série C

    — O Alisson jogou 20 de dezembro do ano passado, ele foi suspenso, pela Série B do estadual. Ele não cumpriu na Série A, aguardando julgamento. O julgamento foi no dia 6 de abril, e ele recebeu a punição de uma partida, que deveria cumprir na rodada seguinte, que foi no dia 10 de abril, na derrota por 2 a 1 para o Brusque. Se o Hercílio vai ser punido ou não, depende da Justiça. O Hercílio Luz tem direito de se defender. Vamos ter que estudar as datas, em caso de punição — completa Capela.

    Confira a entrevista com o procurador jurídico da FCF:

    Confira o comunicado da FCF

    A partida de ida da semifinal do Campeonato Catarinense da Série A 2021 entre Marcílio Dias e Chapecoense está suspensa. O motivo é a denúncia da Procuradoria da Justiça Desportiva do Futebol de Santa Catarina e despacho do presidente do Tribunal da Justiça Desportiva do Futebol de Santa Catarina, Dr. Rodrigo Titerics, referente ao processo nº 42/2021.

    O atleta Alisson Machado Moreira, do Hercílio Luz, não tinha condições legais para atuar na partida entre Brusque e Hercílio Luz, ocorrida no último dia 10. O jogador foi condenado no dia 06 de abril com uma partida de suspensão em virtude de julgamento do processo 014/2021

    O referido atleta atuou no jogo Hercílio Luz e Próspera, no dia 20 de dezembro de 2020, final do Campeonato Catarinense da Série B. Como era a final daquela competição, Alisson não cumpriu a suspensão automática.

    O julgamento da denúncia está marcado para terça-feira (04/05), às 19 horas, de forma on-line.

    Leia mais

    > Conselho Deliberativo do Figueirense convoca reunião extraordinária sobre processo de recuperação

    > Sem derrotas há mais de um mês, Avaí e Brusque se encontram na semifinal do Catarinense

    > Quatro em Campo analisa o mata-mata do Catarinense com Teco, técnico do Marcílio Dias

    Colunistas